Incerteza sobre clima nos EUA traz fôlego para soja em Chicago

Publicado em 10/08/2011 10:29 e atualizado em 10/08/2011 11:09 914 exibições
Quarta-feira de reação para os preços da soja na Bolsa de Chicago. Os futuros da oleaginosa fecharam o pregão noturno de hoje com altas superiores a 15 pontos depois de dias consecutivos de um significativo recuo. O principal suporte para os preços veio de uma combinação de fatores. O milho e o trigo também fecharam o noturno com altas de dois dígitos.

Entre os fundamentos, as incertezas sobre condições climáticas realmente mais favoráveis para as lavouras norte-americanas impulsionou as cotações. Com a recente baixa do mercado, os compradores voltam ao mercado e os estoques dos Estados Unidos seguem extremamente apertados, fazendo com que o país tenha uma previsão .

No cenário externo, a calma que vem chegando ao mercado financeiro contribui para a alta não só da soja, mas também das demais commodities agrícolas. Ao redor do mundo, as bolsas já sinalizam uma retomada do fôlego. Na Ásia, os mercados fecharam em alta e, na Europa, as bolsas abriram em alta nesta quarta-feira.

Nesta terça-feira (9), a oleaginosa não conseguiu acompanhar a alta dos mercados vizinhos e fechou o dia em queda. Já para a sessão diurna de hoje, a chamada de abertura é de alta de 14 a 16 pontos. Para o milho, altas de 10 a 12 pontos e para o trigo, 16 a 18 pontos de avanço.

Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

1 comentário

  • João Francisco Mendes Sorriso - MT

    O que acontecerá se os EUA entrarem em recessão? Consumirão menos carnes e reduzirá o mercado de milho? Irão cortar o subsídio para o etanol de milho americano devido ao alto endividamento? Por via das dúvidas é melhor termos cautela e fazer o hedge de nossa produção na bolsa do que sentar e esperar...

    0