Quebra na safra dos EUA estimula forte alta dos grãos nesta sexta-feira

Publicado em 02/09/2011 17:26 1797 exibições
O movimento de realizção de lucros dos últimos dias ficou para trás e os futuros dos grãos voltaram a registrar fortes altas na Bolsa de Chicago. A soja pegou carona no avanço de mais de 20 pontos do milho e encerrou a semana com valorizações de quase 15 pontos nos principais vencimentos. O trigo tambem subiu forte nesta sexta-feira.

O milho subiu com tanta intensidade no pregão de hoje ainda sustentado na quebra da safra norte-americanas. O clima segue muito quente e seco e prejudicando as lavouras norte-americanas.

Diante disso, a FCStone reduziu suas estimativas para a produção de milho e soja do país na temporada 2011/12. A consultoria estima a safra do cereal em 313,7 milhões de toneladas, com produtividade 153,03 sacas por hectare. O volume ficou bem abaixo do estimado em agosto - 330,26 milhões de toneladas, bem como a produtividade em 160,25 sacas/ha.

No caso da oleaginosa, a estimativa é de que os Estados Unidos produzam 82,46 milhões de toneladas ante a as 85,59 milhões de toneladas estimadas em agosto. Para a produtividade, a projeção da FCStone é de 46,01 sacas por hectare, no mês anterior, a corretora havia estimado 47,52 sacas por hectare.

O cenário atual mostra que a situação da oferta de grãos segue bastante ajustada e não deve ser aliviada tão cedo. Com isso, os analistas apostam em novas altas para os preços e suporte para o complexo de grãos no mínimo no curto e médio prazo.

Veja como ficaram as cotações no fechamento da Bolsa de Chicago:

>> SOJA

>> MILHO

>> TRIGO

Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário