Açúcar acumula perdas de mais de 7% em uma semana na Bolsa de Nova York

Publicado em 26/02/2021 15:32 e atualizado em 26/02/2021 16:49 124 exibições
Terminais para o adoçante perderam forças com financeiro e expectativa de superávit, após máximas de quase 4 anos

LOGO nalogo

​As cotações futuras do açúcar encerraram a sessão desta sexta-feira (26) com queda de mais de 2% nas bolsas externas, retomando mínimas de uma semana. A atenção esteve voltada para o financeiro e ainda repercussão de superávit em 2021/22.

O principal vencimento do açúcar bruto em Nova York caiu 2,32%, cotado a US$ 16,45 c/lb, com US$ 16,82 de máxima e mínima de US$ 16,41 c/lb. Já em Londres, o tipo branco finalizou o dia com queda de 2,76%, a US$ 455,10 a tonelada.

Depois de máximas de quase quatro anos no início da semana, perdas voltaram a ser registradas nos terminais externos do adoçante com o financeiro. No acumulado de uma semana, o açúcar na Bolsa de Nova York registrou perdas de 7,53%.

"Os preços do açúcar caíram para mínimas de uma semana, uma vez que a fraqueza nos preços do petróleo e uma queda do real brasileiro em relação ao dólar provocaram uma longa liquidação nos futuros", disse em nota a consultoria Barchart.

Cana-de-açúcar - Foto: Unica
Açúcar bruto na Bolsa de Nova York registrou perdas de 7,53% no acumulado de uma semana - Foto: Unica

Na tarde desta sexta-feira, o petróleo recuava cerca de 2% no Brent e WTI, mas ambos ainda cotados acima de US$ 60 o barril. Já o dólar se valorizava moderadamente ante o real, cotado a R$ 5,57291.

"O real mais fraco incentiva a venda para exportação dos produtores de açúcar do Brasil", complementou a Barchart.

O mercado também assimilou no dia a informação da consultoria australiana Green Pool Commodity Specialist, que estimou na véspera um superávit global de açúcar 2021/22 de 4,1 milhões de toneladas, o maior em quatro anos.

Mercado interno

O Indicador CEPEA/ESALQ do açúcar, cor Icumsa de 130 a 180, mercado paulista, fechou com queda de 0,58%, a R$ 109,86 a saca de 50 kg na quinta-feira (25).

» Clique e veja as cotações completas de sucroenergético

Por:
Jhonatas Simião
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário