USDA: Vendas semanais de soja EUA passam de 2 mi de t e superam expectativas

Publicado em 06/10/2016 10:13
958 exibições

O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) surpreendeu o mercado nesta quinta-feira (6) com os números das vendas semanais de grãos norte-americanas muito acima das expectativas do mercado para a soja e o milho, com volumes acima de 2 milhões de toneladas, e confirmando, mais uma vez, a força da demanda. 

Os EUA venderam 2.179,600 milhões de toneladas de soja em grão na semana encerrada em 29 de setembro, enquanto os traders apostavam em algo entre 1,2 milhão e 1,5 milhão de toneladas. A quantidade toda refere-se ao presente ano comercial. Mais uma vez, a China foi o principal destino, respondendo por 1,487 milhão de toneladas do total. Dessa forma, o volume acumulado na temporada comercial 2016/17 já supera, para este período, em 30% o acumulado da temporada anterior.

Já as vendas semanais de milho somaram 2.601,8 milhão de tonelas - sendo 2.060,8 milhões da safra 2016/17 e 541 mil da 2017/18 - contra expectativas de 1,1 milhão a 1,4 milhão de toneladas. O México foi o maior comprador da semana ao adquirir 1.251,1 milhão de toneladas do cereal. E as operações desta temporada já superam em 87% as da anterior, nessa mesma época. 

Na contramão, os números do trigo vieram abaixo do esperado - de 400 mil a 600 mil toneladas - com as vendas de 377 mil toneladas na última semana. As Filipinas, nesse caso, foram o principal destino do grão norte-americano, comk 104 mil toneladas. 

Derivados de Soja

Os números para os derivados da soja, na semana encerrada no último dia 29, também foram positivos. 

Foram vendidas 250,4 mil toneladas de farelo de soja - sendo 19,7 mil da safra 2015/16 e mais 230,7 mil da 2016/17 - e o total ficou acima das expectativas do mercado. Os traders, afinal, esperavam algo entre um cancelamento de 25 mil toneladas e a venda de 205 mil. Os EUA venderam ainda 4,1 mil toneladas de óleo de soja, contra uma projeção de um cancelamento de 15 mil e a venda de 40 mil toneladas. A República Dominicana foi a maior compradora do produto. 

Tags:
Por Carla Mendes
Fonte Notícias Agrícolas

Nenhum comentário