Milho: Área da safra de verão pode aumentar no BR e regularizar oferta, diz Neri Geller

Publicado em 15/08/2016 17:43 e atualizado em 17/08/2016 05:22
2460 exibições
Secretário de Politica Agricola faz alerta aos produtores de milho sobre aumento de estoques e área plantada no verão, que poderão trazer os preços para a paridade de exportação (R$ 28 no MT) já na virada do ano.

Neri Geller, ex-ministro da agricutura e atual secretário de Política Agrícola do MAPA (gestão Blairo Maggi), disse ontem em S. Paulo (durante congresso da Andav), que os preços do milho tenderão a se estabilizar já na virada do ano, podendo necessitar até mesmo da intervenção do Governo  durante a safrinha de 2017 para se manter dentro do patamar dos preços mínimos.

Para tanto o MAPA conta com dotação de orçamento da ordem de R$ 1 bilhão e 900 milhões de reais para fazer aquisições do Governo e estabilizar os estoques públicos de milho. De outra parte os tecnicos do Ministério já contam com aumento de área plantada de milho no Sul do País, fato que não se registrava havia 50 anos. Esse interesse se justifica pelos atuais patamares de preços.

De outra parte, também as exportações começam a perder ritmo, e os estoques de passagem superam 5 milhões de toneladas.

Para o ministro, estoques maiores, plantio de verão com aumento de área no sul, mais recursos para AGF (Aquisições do Governo Federal) deverão derrubar os preços para a paridade de exportação (R$ 28 para o MT), já a partir de março do ano que vem. Outra garantia com que conta Neri Gueller é a politica com operações de PEP e PEPRO, que, conforme a lei, permite ao Governo manter a Politica de Preços Minimos (PGPM).

Neri Geller, em entrevista ao Notícias Agrícolas, alerta aos produtores para acompanharem o mercado, e avisa aos especuladores que estão segurando a venda de milho que "essa atitude não interessa ao País". Temos de evitar que só um lado ganhe (atualmente os produtores de milho), deixando a cadeia das carnes em crise infindável. Neri atribui a atual crise de abastecimento ao clima (perda da ordem de 20% na produção na safra 2016) e também ao crescimento do consumo interno e da exportação (no setor avicola, principalmente).

Acompanhem a entrevista reaizada por João Batista Olivi.

Tags:
Por: João Batista Olivi
Fonte: Notícias Agrícolas

5 comentários

  • Guilherme Frederico Lamb Assis - SP

    Alguem já levantou o custo de uma lavoura de alta tecnologia de milho verão? Somente em insumos, aqui fica pelo menos 3.300 R$ por ha (custos somente em sementes, defensivos e fertilizante/corretivo).... Milho a 35,00 são 94,28 sacas por ha só de insumos... Nem pensar em milho verão, alto risco.

    5
    • RODRIGO POLO PIRESBALNEÁRIO CAMBORIÚ - SC

      Afinal o ministro fez um esforço imenso para dizer que o ministério está trabalhando em favor dos produtores e não contra eles. Embora a maioria dos produtores rurais esteja sem crédito, sem financiamentos, sem seguro, e como muito bem lembrado pelo Guilherme, com os custos nas alturas, o trabalho dos politicos é um sempre um excelente trabalho, Neri Gueller faz o auto elogio de uma maneira séria. Alguém que e auto elogia, ou contrata jornalistas e puxa sacos para serem elogiados por eles é sério? O desespero dessa gente é salvar a industria de carnes criada pela ideologia e demagogia do governo. Não tem carne para os brasileiros, mas vamos exportar para o mundo. Fico aqui a pensar quando Stalin exportou toda a comida da Ucrânia, matando mais de 20 milhões de pessoas de fome, e mesmo assim na propaganda o regime era uma maravilha, os lideres luminares do saber e da competência. Felizmente o produtor brasileiro sabe fazer contas e já não é enganado por qualquer picareta fazendo pose.

      4
    • GUILHERME FREDERICO LAMBASSIS - SP

      t

      1
  • elcio sakai vianópolis - GO

    Concordo com o secretario Neri Gueller, vai aumentar o plantio de milho..., porem não acredito em aumentos significativos, se aumentar de um a três por cento não aliviará em nada a quantidade de milho ofertado. As multinacionais praticamente não fazem barter em milho, apenas na soja. Por isso não acredito em grandes aumentos de áreas de milho verão... Com relação a preços, acredito que até maio o mercado interno estará pagando muito bem pelo milho..., já para o milho safrinha lembrem que, nesta época, quem vai mandar no preço é o mercado climático dos Estados Unidos, que estarão sob o LA NIÑA... O mercado de milho na safra 2016/2017 tem fundamentos para ser bem remunerador pros produtores, Talvez não tão bons de preço quanto a safra 2015/2016, mas ainda muito bem remuneradores.

    0
    • HILÁRIO CASONATTOLUCAS DO RIO VERDE - MT

      PLANTA MILHO NA SAFRA E DIMINUIR A PLANTAÇÃO DE SOJA,EQUILIBRAR

      0
  • Rodrigo Polo Pires Balneário Camboriú - SC

    Não vou comentar a fala do secretário Neri Gueller (sobre aumento de área de milho no verão). Vou dizer o que vou fazer... Amanhã vou comprar PUT (direito de venda nas opções a futuro/BM&F) e sair quando o preço bater nos R$ 42. Quando chegar nos 42, saio das opções de venda (PUTs) e entro comprando contratos, fazendo as CALLs). As opções com trava de alta (baseadas nos contratos da BM&F) é muito importante para limitar as perdas com as opções de venda, caso o mercado suba. Se der certo, compro a 42 e coloco uma venda a 41,70, ou seja, perco 0,30 centavos de premio em cada saco, lembrando que um contrato tem 450 sacas. A saida dos contratos, caso suba, talvez seja lá pelos R$ 49... Vai ser uma exposição pequena pois o motivo, amigos, é que se o secretário do ministro está dizendo que quer salvar a cadeia de carnes, por que eu deixaria de comprar PUT de milho? (Dado importante que esqueci de comentar, não acredito que o contrato setembro caia abaixo de 42.)

    4
    • MARTIN SIMEON WANSERMARACAJU - MS

      Infelizmente e um comentario sem fundamento, somente se o centro sul plantar 30% de milho no verao. Este cuidado com o setor de carnes e preciso ser feito o controle de estoques antes em conjunto com a conab, orgao que nos ultimos anos so faz estimativas de super safras, e nao faz estoques para atender nestes momentos.

      4
    • PAULO ROBERTO RENSIBANDEIRANTES - PR

      Sr. Rodrigo, acho que esse artigo o Sr. deveria ler: http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=2490

      0
  • Marcio Pavani Salto Grande - SP

    Nao concordo com Nery geller, o preço do milho vai subir sim pq a quebra na safra foi muito grande e as previsões de chuvas para o Sul do País é muito ruim...
    O milho de verão depende de muita chuva
    E jamais vão liberar p/ entrar milho dos EUA aki
    Duvido q vão dexar entrar milho transgênico aki, e se os produtores pega esse milho e faz semente q rolo q vira...
    Ele tá é preocupado com os granjeiros...
    Final do ano milho estoura de preço Sim
    Ainda mais com la ninña provocando veranico no Sul do País

    0
    • GERALDO EMANUEL PRIZONCOROMANDEL - MG

      Em se tratando de milho a muito o secretário está " viajando na maionese"...

      1
  • Carlos Alberto Erhart Sulina - PR

    Não sei em outros lugares, mas aqui na minha cidade não vejo quase ninguém querendo plantar milho na primeira safra, o que percebo é que a maioria dos agricultores está optando por variedades de soja mais precoce e querendo apostar na safrinha de milho!

    0
    • MARCIO PAVANISALTO GRANDE - SP

      O ministro ta com medo doke vai acontecer com essa falta de milho,ta qrendo por medo no agricultor p/ vender seu milho barato...

      0
    • CARLO MELONISAO PAULO - SP

      CARLOS ALBERTO O motivo e' que o milho e' menos estavel do que a soja '

      0
    • DALZIR VITORIAUBERLÂNDIA - MG

      Ora o milho só cresceu a sua produção na safrinha..e porque...se fosse melhor que a soja teria crescido por outros motivos..pois o produtor não é BOBO e se decidiu por soja eis suas razões....1) LIQUIDEZ..ora nos últimos 30 anos quem vendeu melhor..mais rápido o milho ou a soja!!!!2)Rentabilidade...nos últimos 30 anos o que rendeu mais ao bolso do produtor..o MILHO ou a SOJA!!!!!3)SEGURANÇA..em caso de problemas climáticos quem perde mais O MILHO ou a SOJA!!!! e por aí vai...burro é o produtor que entra nesta conversa...

      2
    • JOACIR A. STEDILEPASSO FUNDO - RS

      Não Secretário! Previsão tendensiosa e equivocada!

      0