Estiagem no RS derrubou média da Cotripal para 38 s/h. Mas poderia ter sido pior, não fossem as tecnologias

Publicado em 19/05/2020 12:04 e atualizado em 20/05/2020 14:20 2894 exibições
Denio Oerlecke - Eng. Agrônomo e Gerente Técnico da Cotripal
Entrevista com Denio Oerlecke - Eng. Agrônomo e Gerente Técnico da Cotripal sobre o planejamento de safra da cooperativa Cotripal/RS

Podcast

Entrevista com Denio Oerlecke - Eng. Agrônomo e Gerente Técnico da Cotripal sobre oplanejamento de safra da cooperativa Cotripal

Download

LOGO nalogo

A tradicional prestação de contas que a Cooperativa Cotripal divulga aos seus associados enfrentou,este ano, duas dificuldades. Uma, a ausencia dos técnicos que costumeiramente visitavam os 11 municípios de abrangência da Cooperativa, impedidos pelo Covid-19; a outra, tão impactante quanto o Covid-19, foi a queda na produtividade causada pela gravíssima estiagem que se abateu no Rio Grande do Sul - principalmente nas regiões das Missões e Planalto Central, onde vivem e produzem os 4.200 cooperados da Cotripal.

A produtividade média que chegou a 68 sacas, este ano caiu para 38 unidades por hectare. "E ainda demos graças a Deus, pois poderia ter sido pior", diz Denio Oerlecke, gerente técnico da cooperativa. "Ela poderia ter descido para 15/20 não fosse a adoção de práticas tecnológicas por parte dos nossos produtores".

Denio se mostra agradecido aos parceiros cooperados por terem ouvido os conselhos dos técnicos da Cotripal, principalmente fazendo cobertura de solo, manejando corretamente a safra, obedecendo as orientações de épocas de plantio e escolha de cultivares. 

--"O clima a gente não controla, mas já aprendemos a conviver com as intempéries; cuidando da umidade do solo, conseguimos defender a produtividade", ensina ele.

Outra caracteristica da Cotripal é adotar as melhores tecnologias, aceitando as inovações e testando os produtos em seu campo experimental. "Somos como um filtro para o produtor; antes de distribuir a recomendação, testamos o que é lançado do mercado. Assim o produtor vai no produto certo, já testado".

Denio demonstra os resultados dessa caracteristica na diminuição dos custos. "Mais do que conseguir altas produtividades, estamos interessados em trazer altas lucratividades para o nosso produtor. Isso é o que importa, o que fica no bolso".

Denio Oerlecke destaca que a redução de custos mais importantes são conseguidas nas pequenas escalas, como, por exemplo, na tecnologia de aplicação.

--"As pulverizações sempre enfrentaram um dilema --  usar óleo na aplicação, e enfrentar a dificuldade do entupimento dos bicos, ou optar pelos adjuvantes, mas que não trazem a completa eficiencia do produto. Conseguimos sair do dilema com uma nova tecnologia, o IOP Full (marca própria da Cotripal), que une as duas tecnologias, o óleo com o adjuvante".

Os ganhos do IOP Full são expressivos, trazendo como resultado um acrescimo de 3 sacas por hectare com a adoção da tecnologia (desenvolvida pela Impasa).

(Veja abaixo os gráficos com o uso da tecnologia; O Notícias Agrícolas pretende mostrar, em próximas edições,  as reduções de custos conseguidas com a adoção de novas tecnologias). 

 

cooperativa Cotripal imagem 11   cooperativa Cotripal imagem 12   cooperativa Cotripal imagem 1cooperativa Cotripal imagem 2   cooperativa Cotripal imagem 3

 

 

Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário