São Paulo já tem boi de R$275,00/@ e com potencial de chegar aos R$280,00/@ até o início de novembro

Publicado em 27/10/2020 13:01 e atualizado em 27/10/2020 15:36 3075 exibições
Gustavo Figueiredo - Analista da AgroAgility
Fatores como oferta diluída de animais, insumos caros, exportações fortes e carne em alta dão suporte ao movimento de alta

Podcast

Entrevista com Gustavo Figueiredo - Analista da AgroAgility sobre o Mercado do Boi Gordo

Download

LOGO nalogo

No estado de São Paulo, os negócios para a arroba do boi com padrão exportação já atingiram o patamar dos R$ 275,00. A expectativa do mercado é que as ofertas de preços podem chegar aos R$ 280,00/@ em poucos dias diante da baixa disponibilidade de animais e com as indústrias abastecendo os estoques no atacado com a primeira quinzena do mês.

Segundo o Analista da AgroAgility, Gustavo Figueiredo, podemos dizer que esse nível de preço é referência para o animal que atende o perfil de exportação. “Quando ocorreram negócios pela a primeira vez ao redor de R$ 270,00/@ foi para ambos os tipos de animais. Eu acredito que na virada do mês vamos ter um cenário muito forte para o mercado interno já que a demanda vai estar aquecida no início do mês” relata.

O analista ainda reforça que até o dia 10 de novembro terá força mais valorizações de preços para a arroba. “O primeiro fator é o mercado esperava uma oferta mais concentrada para outubro, mas isso não aconteceu. A oferta foi diluída de outubro para novembro e podemos ver isso mais claramente pelo o ágio do mercado físico e o futuro, com uma diferença de R$ 20,00/@”, informa.

A oferta de oferta de animais deve continuar até o longo de fevereiro, mas a preocupação do mercado é como vão ser o desempenho das compras dos chineses por carne bovina brasileira. “Como têm o ano novo chinês, geralmente, eles param dia 24 de janeiro como que aconteceu no início desse ano”, afirma.

Por:
Aleksander Horta e Andressa Simão
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário