Confinamento será para os profissionais ; apesar de uma elevação de 60% na @ do boi em 12 meses, alta dos insumos foi bem maior

Publicado em 13/04/2021 12:37 e atualizado em 13/04/2021 15:29 2237 exibições
João Otávio Figueiredo - Analista Sênior DATAGRO
Entrevista com João Otávio Figueiredo - Analista Sênior DATAGRO sobre o Mercado do Boi Gordo

Podcast

Confinamento será para os profissionais ; apesar de uma elevação de 62% na @ do boi em 12 meses, alta dos insumos foi bem maior

Download

LOGO nalogo

Os preços da arroba tiveram valorização de 60% frente às cotações observadas no ano passado, mas a alta dos insumos foi superior e compromete as margens de rentabilidade. A estimativa é que apenas os confinadores profissionais vão investir na engorda dos animais no segundo semestre, conforme ressaltou o analista Sênior DATAGRO, João Otávio Figueiredo.

 “Os pecuaristas que tem um caixa vão conseguir ajustar as margens de lucro, mas os produtores que não se prepararam vão sentir dificuldades para comprar animais de reposição e alimentação”, afirmou. 

As indústrias que atendem ao mercado interno precisam pagar valores próximos do animal com padrão exportação para preencher as escalas de abate. “Alguns frigoríficos do interior de São Paulo estão analisando a possibilidade de entrar em férias coletivas, pois além de não conseguir pagar preços maiores não estão encontrando matéria-prima”, comentou. 

O faturamento das exportações de carne bovina até a segunda semana de abril teve  um acréscimo de 17,5% frente ao mesmo período do ano passado. Já a média de carne bovina embarcada em seis dias úteis de abril teve um aumento de 9,25%, se comparado ao volume total exportado em abril de 2020. 

“O principal fator que contribuiu para o ritmo acelerado das exportações foi o câmbio que se manteve em torno de R$ 5,60 e a carne brasileira será atrativa no mercado internacional”, destacou. 

Por:
Aleksander Horta e Andressa Simão
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário