Geada atinge cafezais em São Pedro da União (MG) e afeta a próxima safra

Publicado em 18/07/2016 10:29 871 exibições
Evento climático comprometeu os ramos que iam produzir os botões e flores da próxima temporada. Cafeicultores ainda estão atentos ao clima, pois ainda há previsão de temperaturas mais baixas. Até o momento, pouco mais de 20% dessa safra já foi colhida. Clima adverso afetou a qualidade dos grãos neste ciclo. Saca do café bebida dura é cotada entre R$ 500 a R$ 510.

O avanço de uma massa de ar polar sobre o Centro-sul do país provocou geadas em áreas produtoras de café nesta segunda-feira (18). Em São Pedro da União (MG) os cafeicultores aceleraram os trabalhos de colheita, mas a preocupação é quanto aos danos para a próxima safra.

Com média de 20% da área colhida, os produtores iniciaram esta semana com os cafezais cobertos de gelo. Conforme conta o cafeicultor, Hélvio Miranda Silva, à medida que o sol nasceu foi possível observar muitas folhas queimadas.

Dessa forma a expectativa é de que os danos sejam mais severos na safra 2017/18. "Os ramos que iam produzir os botões e flores para 2017 já estão bem comprometidos", acrescenta Miranda.

Segundo ele, a região segue em atenção já que as previsões continuam indicando baixas temperaturas, em torno de 4ºC para a madrugada desta terça-feira (19).

Vale ressaltar que maio deste ano diversas áreas de café em Minas Gerais e São Paulo receberam um grande volume de chuvas que acelerou o processo de maturação dos grãos, comprometendo a qualidade da bebida.

"Nossa estimativa é de que de 15% a 20% no grão está no chão com a qualidade comprometida", diz o cafeicultor.

Assim, os produtores afirmam que a safra 2016/17 não terá problemas de volume, mas sim qualidade. E embora o preço de R$ 510,00 a saca para bebida dura seja atrativo, poucos cafeicultores conseguem aproveitar esse nível de comercialização.

Geada em lavoura de São Pedro da União (MG) | Fernando Barbosa

Geada em lavoura de São Pedro da União (MG) | Foto: Fernando Barbosa

Geada atinge cafezais em São Pedro da União (MG). Envio do produtor Fernando Barbosa

Geada atinge cafezais em São Pedro da União (MG) | Foto:  Fernando Barbosa

Geada atinge cafezais em São Pedro da União (MG). Envio do produtor Fernando Barbosa

Geada atinge cafezais em São Pedro da União (MG) | Foto:  Fernando Barbosa

Geada em lavoura de São Pedro da União (MG) | Fernando Barbosa

Geada atinge cafezais em São Pedro da União (MG) | Foto:  Fernando Barbosa

Veja mais:

>> Café: Geadas atingem lavouras do cinturão produtivo do Sudeste; condição volta na madrugada desta 3ª feira

Por:
Fernanda Custódio e Larissa Albuquerque
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário