HOME VÍDEOS NOTÍCIAS DADOS DA SAFRA METEOROLOGIA FOTOS

Correção: Clima para fevereiro tem chuvas abaixo da média no RS, SC, MG, GO e BA

Publicado em 18/01/2021 16:13 e atualizado em 18/01/2021 18:04 5493 exibições
Francisco de Assis Diniz - Chefe do Centro de Análise e Previsão do Tempo do Inmet
Vórtice atuando sobre a Bahia deve promover um período de estiagem em grande parte nos estados da BA e MG

Podcast

Entrevista com Francisco de Assis Diniz - Chefe do Centro de Análise e Previsão do Tempo do Inmet sobre a Previsão do Tempo

Download

LOGO nalogo

Em entrevista ao Notícias Agrícolas, nesta segunda-feira (18), Francisco de Assis Diniz - meteorologista do Inmet, fez uma correção referente à previsão para o mês de fevereiro realizada na última sexta-feira, dia 15.

A previsão desta segunda trouxe um novo cenário para o produtor, levando em consideração o uso do mapa atualizado para o próximo mês. De acordo com Francisco, o mapa de anomalias indica uma chuvas abaixo da média no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Minas Gerais, Goiás e Bahia. 

De acordo com o mapa atualizado neste mês, a tendência é de anomalia de precipitação com até 75 mm abaixo do esperado para o Rio Grande do Sul. O especialista destaca que as condições contam ainda com influência da La Niña. Santa Catarina também deve registrar chuvas abaixo da média, enquanto o Paraná deve registrar volumes pouco acima da climatologia. 

Já para as demais áreas do país, como no sul de Minas e na Bahia, o modelo manteve a tendência de chuvas abaixo do esperado. "No norte de Minas e na Bahia que deve ficar com chuvas abaixo da climatologia até 50 mm", afirma. As mesmas condições são esperadas para o norte de Goiás. 

Falando em volumes acima da média, a tendência é positiva para o Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, com 50 mm de chuvas acima do esperado. Para o Tocantins, as condições também mais dentro da normalidade, com destaque para o sul do estado que deve receber chuvas acima da média. 

Próximos dias

Para este início de semana, o modelo Cosmo do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), prevê os maiores volumes para o Paraná, com precipitação entre 20 e 40 mm em todo o estado, podendo chegar a 60 mm em pontos da região central do estado.

O modelo também indica condição de chuvas para o extremo norte de Santa Catarina, com precipitação entre 20 e 40 mm. As demais áreas do estado e o extremo norte do Rio Grande do Sul também têm previsão de chuvas, porém com volumes mais baixos. 

Para quarta-feira, dia 20, o modelo indica chuvas ainda mais expressivas para o oeste do Paraná, confirmando as previsões de acumulados acima de 70 mm. Ainda na quarta-feira, o modelo sinaliza para chuvas entre 40 e 60 mm para o leste de Santa Catarina. 

O modelo Cosmo do Inmet indica chuvas volumosas para o Mato Grosso do Sul, com precipitação entre 20 e 60 mm em algumas áreas do estado. A instabilidade favorece ainda chuvas entre 20 e 30 mm para o sul de São Paulo e chuvas nas mesmas proporções para o Mato Grosso Sul. Há previsão de chuvas para Goiás, porém com volumes mais baixos. O modelo mostra ainda que a atuação de um vórtice deve influenciar no regime de chuvas na parte mais ao norte do país. 

Veja o mapa de previsão de precipitação para as próximas 93 horas: 

93 horas - Inmet - 1801
Fonte: Inmet 

 

 

Veja a previsão completa no vídeo acima

 

Por:
Aleksander Horta e Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

4 comentários

  • Ronaldo de Quadros Annoni Carazinho - RS

    O dia que começarem a responsabilizar este povo referente a estas previsões furadas, aí vai mudar. Pelo menos vão pensar bem antes de publicar qualquer coisa.

    1
    • Leodir Vicente Sbaraine Terra Roxa - PR

      Bem isso aí Sr. Ronaldo, está na hora de responsabiliza-los, , aliás já passou da hora... , Concordo Plenamente...

      0
  • Ronaldo de Quadros Annoni Carazinho - RS

    Não tem fundamento algum... no dia 15/01 apresentarem um prognóstico climático e 3 dias depois apresentarem outro, completamente diferente. Não tem cabimento. Eu penso que se não temos convicção sobre determinado assunto, este não pode ser divulgado, principalmente em cadeia nacional. Fica evidente que são analisados mapas de fora do país e ficam tentando entender e tirar conclusões, para depois fazer uma apresentação em cima de achismo. Não sabem o que estão falando.

    0
    • marcos calas Petrolina - PE

      Há alguns anos, ouvi, no site da Nasa que a previsão do tempo pode mudar a cada 3 horas.. Foram explicados, em detalhes, os porquês e, com o tempo, fui levado a concordar com eles. Afinal, trata-se de "precisão"

      9
    • Ronaldo de Quadros Annoni Carazinho - RS

      Então não adianta irem ao ar e ficar falando um tempão sobre todo o Brasil. Somente chamando audiência.

      0
    • Carlos William Nascimento Campo Mourão - PR

      O que vale é fazer sensacionalismo na chamada da matéria, para atrair clicks de internautas. Depois o site usa a quantidade de visitas diárias para encarecer a venda de espaço publicitário. Simples.

      0
    • Elton Szweryda Santos Paulinia - SP

      O mais sensato é nao levar a serio, nem no curto prazo, o que dira pro mes seguinte!!

      0
    • carlo meloni sao paulo - SP

      PREVISAO QUE SO" VALE POR TRES HORAS NAO SERVE PARA NADA----VOCES NAO ACHAM ????

      0
  • Carlos Massayuki Sekine Ubiratã - PR

    Quando o assunto é previsão do tempo, só tenho uma certeza... Os modelos matemáticos tem que melhorar. Boa parte do nosso planejamento é feito com base nessas previsões e elas tem errado muito... Erraram muito nessa safra e induziram o produtor ao erro, muitas vezes causando prejuízos grandes... e continuam errando. Tá na hora de rever esses modelos.

    0
    • leandro carlos amaral Itambé - PR

      Temos de assinar um canal de previsão...consumir notícias gratuitas sai caro...

      5
    • Gilberto Rossetto Brianorte - MT

      Leandro, tens algum canal prá indicar? Um que tenha acertado pelo menos 50%? - previsão da semana - passa ai.

      1
    • Elton Szweryda Santos Paulinia - SP

      Pago ou gratuito da mesma, no pago voce será orientado de que as previsoes poderao mudar

      0
    • elcio sakai vianópolis - GO

      Previsão meteorologica gratuita é muito vago..., se quiser ter mais acertos, apenas colocando estação meteorológica na propriedade e aprender a analisar os gráficos... Nos últimos dois anos venho conseguindo interpretar os gráficos que minha estação vem gerando. Porém tenho informações somente para os próximos 15 dias.

      1
  • wenderson lambert pouso alegre - MG

    sabe o que nao entendo outros canais dao exatamente o contrario com chuvas dentro da media em areas da regiao sul, como metade norte do rio grande do sul, parte do sudeste como sao paulo e sul de minas, parte sul do rio de janeiro e parte do centro oeste, e o inmet, entao fica dificil dar muita credibilidade ao que falam, posta uma coisa num dia e no outro ja muda novamente, falaram que dezembro e janeiro seria ruim de chuvas aqui, nao foi, ja ouvi ate mencionarem que nao teriamos veranicos, o inmet erra mais que acerta.

    0