DA REDAÇÃO: Mercado realiza lucros em Chicago, mas ainda tem suporte na falta de oferta e reação da demanda

Publicado em 05/03/2012 14:25 e atualizado em 05/03/2012 17:52 455 exibições
Soja: mercado abre em movimento de realização de lucros nesta segunda-feira em Chicago após registrar fortes altas na última semana. Apesar da baixa, quebra na safra da América do Sul sustenta preços no curto prazo. Consultor prevê novo recuo do patamar de US$ 13/bu somente no segundo semestre.
Os contratos futuros da soja e do trigo encerraram o pregão noturno na Bolsa de Chicago com leves recuos nesta segunda-feira. Segundo o analista da Safras & Mercados, Flávio França Jr., o mercado realiza lucros diante da volta dos fundos de investimentos às compras nas últimas semanas.

"Mesmo que essa realização comece a acontecer, não deve ser duradoura. No curto prazo, o mercado segue positivo com todas essas notícias ruins da safra sul-americana", comenta.

As perdas da safra sulista ainda estão sendo contabilizadas e devem afetar expressivamente os estoques mundiais. Para França, a demanda norte-americana finalmente assimilou a falta de oferta, reagiu e também contribui para a firmeza do mercado.

Para o médio e longo prazo, as expectativas de aumento de área para o milho e safra cheia nos Estados Unidos podem tirar suporte dos US$ 13 por bushel para a soja e dos US$ 6 por bushel para o milho na Bolsa de Chicago.

Por:
João Batista Olivi e Marília Pozzer
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário