DA REDAÇÃO: Soja atinge US$15/Bushel e milho acompanha altas na Bolsa de Chicago

Publicado em 27/04/2012 13:35 e atualizado em 27/04/2012 17:05 692 exibições
Soja: preços voltam a subir forte em Chicago nesta sexta-feira. Compras da China continuam aquecidas, enquanto situação dos estoques mundiais está cada vez mais apertada. Movimento altista é muito firme, por isso, realização de lucros tende a rondar o mercado.
Os grãos em Chicago registram forte alta nesta sexta-feira (27), tendo a soja chegando aos US$15/Bushel e o milho registrando expressivas altas, sobretudo para o vencimento Maio, cujo crescimento chegou a cerca de 30 pontos. De acordo com Vinicius Ito, operador de mercado, a oleaginosa já acumula uma variação positiva em torno de 20% este ano na Bolsa, tornando-se assim uma líder entre as commodities em termos de valorização.

Para a soja, demanda mundial forte e oferta cada vez menor foram responsáveis pelo desempenho registrado durante o dia. No Brasil, a comercialização brasileira foi bastante ativa neste ano de 2012. Com preços elevados em Chicago, alta do dólar e subida dos prêmios, produtores e até mesmo traders fizeram muita fixação.

O brasileiro vendendo mais estimulou o cenário atual: de preços altos, mas que não podem ser aproveitados uma vez que a produção já foi negociada. Além disso, “existe possibilidade de faltar soja no mercado interno porque tem muita coisa comprometida com a exportação”, diz.

Com relação ao milho, foi anunciado hoje que exportadores americanos venderam 1,44 milhões de toneladas a países não revelados, mas que se acredita que seja a China. A partir da informação é possível deduzir que a China compra o cereal mesmo com preços nas alturas por  temer uma elevação de preços ainda maior.

Por:
João Batista Olivi e Fernanda Cruz
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário