DA REDAÇÃO: Mercado do boi gordo continua pressionado e cenário futuro é de incógnita

Publicado em 10/07/2012 14:15 e atualizado em 10/07/2012 16:08 598 exibições
Boi Gordo: oferta maior vinda de pastos secos e de confinamentos (que adiantaram a 1a. etapa) pressionam os preços. Mais à frente, o comportamento do mercado continua sendo uma incógnita. Há muita oferta na praça nesse momento.
O mercado do boi gordo segue pressionado nesta semana, e o fator climático bastante atípico desse ano confundiu a oferta de bois de pasto, que está se posicionando agora.

Devido a um período de poucas chuvas,o primeiro turno do confinamento foi adiantado."Como muita gente acabou pensando que seria um período de seca muito prolongada, se posicionaram para o boi do primeiro turno no coxo", revela o analista Caio Junqueira, da Cross Investimentos. De acordo com ele, de agora até dia 15 de agosto o primeiro turno deve ser finalizado, e tudo indica que haverá pressão de médio a curto prazo.

O analista lembra, entretanto, que o cenário é de incógnita e que podem haver mudanças inesperadas. "Tínhamos expectativas de aumento de confinamento, e essa expectativa pode furar, porque a partir de agora o gado vai ser abatido e produtores vão se preparar para o segundo turno", argumenta.

A arroba do boi gordo para o vencimento outubro está prevista em R$ 96,85.
Por:
Thaís Jorge e João Batista Olivi
Fonte:
Notícias Agrícolas

1 comentário

  • Daltro Fogaça Scherer São Leopoldo - RS

    Com um mercdo pressionando e com a natureza atuando contra o produtor temos, a indicação de uma redução dos preços, e com a população reduzindo o consumo, pecuaristas é notário a redução dos lucros dos lucros desta atividade produtiva. Percebe-se uma tendência futura de uma melhoria de preço para arroba do boi. Mas temos que aguardar o novo cenário que se avizinha.

    São Leopoldo - RS, 10 de julho 2012

    Daltro Fogaça Scherer.

    0