DA REDAÇÃO: Oeste da Bahia enfrenta segunda estiagem e soja já registra perdas

Publicado em 21/02/2013 15:48 e atualizado em 22/02/2013 09:17
594 exibições
Safra 2012/13: Falta de chuvas no oeste da Bahia já resulta em perdas na produção de soja. Cerca de 60% das lavouras da região registram deficiência hídrica. Incidência de pragas e dificuldades de controle também são maiores na região nesta safra.
No oeste da Bahia lavouras de soja passam pelo segundo período de estiagem. O primeiro foi logo após o plantio e atingiu as variedades precoces da oleaginosa, com 30 dias de seca. O segundo período de seca acontece atualmente e já dura 22 dias.

Segundo o presidente do Sindicato Rural de Luís Eduardo Magalhães, Vanir Kolln, perdas para a soja chegam a 10% da produção estimada e aumentam diariamente.

Ainda de acordo com Kolln, incidência de pragas nas lavouras, como a helicoverpa zea e a falsa medideira aumentam muito os custos do produtor em função do difícil controle.

Previsões climáticas apontam o retorno das chuvas para os últimos dias deste mês.
Saca de soja balcão é negociada entre R$53 e R$54 no município.
Por: Ana Paula Pereira
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário