DA REDAÇÃO: Com início da deteriorização dos pastos preços do boi gordo devem cair

Publicado em 17/04/2013 12:02 e atualizado em 17/04/2013 17:53 369 exibições
Boi: alguns frigoríficos em São Paulo já pagam até R$103,00/@ na tentativa de compor as escalas, mas a oferta de animais ainda está restrita. No entanto, novas altas no curto prazo estão cada vez mais distantes, já que a demanda por carnes tende a recuar e a oferta de animais pode aumentar com a piora nas condições das pastagens.
Mercado do boi gordo permanece firme com oferta restrita do animal em plena safra. Segundo o analista da Safras e Mercado, Fernando Henrique Inglesias, boa parte dos frigoríficos não conseguem compor sua escala de abate, por conta do pecuarista que ainda retém o boi no pasto.

Preços praticados do boi gordo no interior de SP chegam até R$ 103,00/@ à vista. No Mato Grosso do Sul negociações, em média, R$ 95,00/@ e em Goiás em torno de R$ 92,00/@ à vista. Segundo o analista, a restrição de oferta gera inflação do animal nesses estados.

Inglesias acredita que o mercado do boi gordo não deve registrar melhora na oferta a curto prazo. Além disso, o movimento de compras verificado no inicio de cada mês pode contribuir para uma elevação dos preços. 

Os preços atuais do boi gordo não instigam os pecuaristas a vender o animal, porém, segundo Inglesias, com o início da deteriorização dos pastos, a oferta vai ser elevada e consequentemente o preço vai cair.

Por:
Aleksander Horta/ Ana Paula Valvassori
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário