DA REDAÇÃO: Mosca branca e helicoverpa derrubam produtividade do feijão em Patrocínio (MG)

Publicado em 14/05/2013 09:55 e atualizado em 14/05/2013 12:04 1036 exibições
Feijão: Mosca branca leva perdas de até 80% na produtividade das lavouras de Patrocínio (MG). Helicoverpa também atacou o feijão e produtores devem diminuir área com o grão tardio na próxima temporada. Saca de 60 kg é negociada em torno dos R$240 no município.
Os prejuízos com a mosca branca no feijão de Patrocínio (MG) podem chegar a 80% da produtividade estimada. Segundo o produtor rural, Marcos Roberto Fernandes, a produtividade de algumas lavouras tem oscilado entre 12 e 15 sacas/hectare. Além da mosca branca, a helicoverpa também atacou o feijão, mas o controle da praga foi realizado com eficácia. 

De acordo com o produtor, as aplicações de inseticidas eram realizadas a cada quatro dias, aumentando muito os custos de produção. A incidência da mosca branca já havia sido observada em safras anteriores, mas este ano o ataque foi mais severo.

Alguns produtores, que não conseguiram fazer o controle da praga e plantaram sorgo em cima do feijão. A tendência deve se confirmar na próxima temporada, com produtores aumentando a área de feijão no cedo e diminuindo a área do feijão tardio, plantando milho e sorgo nas segundas safras. 

A saca de 60 kg do feijão carioca é negociada com preços em torno dos R$240 no município. 
Por:
Ana Paula Pereira
Fonte:
Notícias Agrícolas

1 comentário

  • Rodrigo Otávio de Araujo Herval Coromandel - MG

    Aqui em Coromandel, foi pior que isso. Temos notícias de apenas poucos produtores e estão lutando para diminuir o prejuízo. A grande maioria abandonou ou passou a grade e plantou sorgo.

    Rodrigo Herval, presidente do sindicato Rural

    0