DA REDAÇÃO: Cafeicultores irão pleitear Pepro para subsidiar momento de crise

Publicado em 28/05/2013 14:18 e atualizado em 28/05/2013 16:36 499 exibições
Café: Com preços muito baixos no momento, café pode começar uma pequena recuperação nesse início de safra. Medidas junto ao governo estão sendo estudadas para tentar ajudar o produtor rural a enfrentar esse momento de crise. A próxima safra deve ser boa e o consumo do grão continua aumentando do mundo inteiro.

Os produtores de café já estão acostumados com o sobe e desce do mercado, porém, no momento, os preços estão extremamente baixos, mas de agora em diante pode haver uma pequena recuperação, já que ainda é início de safra.

Segundo o Presidente da Cooxupé, Carlos Paulino, os fundamentos não estão tão ruins como o mercado está projetando: “Existem alguns estoques, o consumo continua aumentando no mundo inteiro e a próxima safra será boa, apesar de não excepcional”.

Por meio do Conselho Nacional do Café e de lideranças da Faemg (Federação da Agricultura e Pecuária de Minas Gerais) estão sendo estudadas medidas para ajudar o cafeicultor a sobreviver durante esse período de crise. “Nós precisamos de algum apoio governamental como um Pepro para subsidiar temporariamente o produtor, dando suporte para que ele continue na atividade”, diz Paulino.

O dinheiro para o Pepro existe, é necessário agora força política para implementá-lo. O governo já está tomando medidas para subsidiar o algodão, a laranja recentemente teve Pepro e o milho do Centro-oeste está recebendo subsídio no transporte. Portanto, os cafeicultores também vão pleitear um Pepro a fim de que o preço chegue ao valor mínimo de R$ 307/saca, já que, no momento, os preços estão abaixo desse valor.

A recomendação ao produtor é que aguarde os próximos 2 meses, se houver condição financeira, porque essas medidas poderão vir para sustentar o mercado.

Por:
João Batista Olivi e Paula Rocha
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário