DA REDAÇÃO: Café - Ministro da Agricultura deve anunciar medidas para o setor na próxima segunda-feira (5)

Publicado em 02/08/2013 13:18 e atualizado em 02/08/2013 17:09
424 exibições
Brasília: Estima-se que serão liberados na segunda-feira (5) pelo Ministro da Agricultura mais de R$ 1 bilhão para os contratos de opção, além de mais R$ 3 bilhões de financiamento que ainda não chegaram aos cafeicultores e mais R$ 2 bilhões para custeio e estocagem. Havia uma resistência por parte do Ministério da Fazenda, mas situação foi contornada.

O Ministro da Agricultura, Antônio Andrade, deve anunciar na próxima segunda-feira (5), em entrevista coletiva, as medidas para a cafeicultura. A expectativa é que sejam liberados, cerca de R$ 1 bilhão para contratos de opções para enxugar do mercado mais de 3 milhões de sacas do grão.

Além disso, também deverão ser liberados mais de R$ 3 bilhões para custeio e investimentos. A repórter do Canal Rural, Daniela Castro, explica que o valor já havia sido aprovado pelo CMN (Conselho Monetário Nacional), mas na prática esses recursos ainda não estavam disponíveis aos cafeicultores.

“E ainda serão anunciados mais de R$ 2 bilhões pelo Banco do Brasil para custeio e estocagem, tanto para cafeicultores quanto para as indústrias de torrefação. Foram muitos meses de agonia, cerca de 50% do café já foi colhido, mas havia uma resistência por parte do Ministério da Fazenda, que tem a preocupação em conter a inflação e não queria colocar recursos federais para socorrer os produtores”, ressalta a repórter.

Os produtores rurais amargam prejuízos, já que os preços seguem abaixo dos custos de produção em várias regiões do país.

 

Por: João Batista Olivi/Fernanda Custódio
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário