DA REDAÇÃO: Cenário é positivo para mercado de suínos, diz Presidente da ACCS

Publicado em 21/08/2013 14:18 e atualizado em 21/08/2013 16:22
329 exibições
Suínos: Problemas de logística atrapalham negociações de carne resfriada entre Brasil e Japão. Devido à distância, navios demoram de 35 a 45 dias para chegar, mas carne congelada ainda é viável. Mercado é positivo para os suínos e há uma previsão de aumento ainda nesta semana, pois a demanda está aquecida.

O cenário do mercado de suínos está positivo. Este mês houve uma elevação de 20 centavos nos preços da indústria e ainda esta semana os valores podem subir mais 10 centavos. No mercado independente o preço saiu de R$ 2,30/Kg vivo e chegou a R$ 3,05/Kg vivo na última bolsa realizada em Santa Catarina. Nesta próxima quinta-feira (22), dia de nova bolsa, deve ocorrer mais um aumento nos preços, uma vez que a demanda está grande e a oferta reduzida.

O Presidente da ACCS (Associação Catarinense de Criadores de Suínos), Losivânio de Lorenzi, acredita em uma elevação nos preços do suíno ainda esta semana, mas diz que terá um patamar máximo a ser atingido com o consumidor, que deve ser em torno de R$ 3,40/Kg vivo.

Exportação: O Japão importa cerca de 1,3 milhões de toneladas de carne suína brasileira por ano, no entanto a carne resfriada não tem tanta duração para atender a armazenagem e o consumo, com isso os produtores perdem devido a distância, já que o navio demora de 35 a 45 dias para ir do Brasil ao Japão, o que inviabiliza a exportação de carne resfriada. Mesmo assim, a exportação de carne congelada já é suficiente para ter uma melhora contínua nos preços e também uma estabilidade na atividade sobre os lucros por um longo período.

Losivânio afirma que os benefícios da exportação para o Japão ainda devem demorar um pouco porque apenas um container por indústria está sendo embarcado, mas esse é um mercado que irá crescer e o retorno já deve começar a ser sentido no próximo ano.

Por: João Batista Olivi e Paula Rocha
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário