DA REDAÇÃO: Feijão – Entrada da terceira safra pressiona preços do grão

Publicado em 04/09/2013 13:42 e atualizado em 04/09/2013 17:29
482 exibições
Feijão: Preços do grão estão pressionados. A entrada da terceira safra de feijão no mercado pesa sobre as cotações do produto. Em SP, feijão é negociado entre R$ 147,00 e R$ 150,00 a saca. Clima e mosca branca podem comprometer a produtividade das lavouras.

A entrada da colheita da terceira safra de feijão pesa sobre os preços do grão no mercado interno brasileiro. Além disso, os altos valores da saca do produto nos supermercados assustaram os consumidores e, no retorno das férias escolares, a demanda não foi a mesma projetada para o período.

Cenário que contribuiu para controlar a pressão de compra que havia, conforme sinaliza a analista de mercado de feijão, Sandra Hetzel. “A situação também deve limitar a expansão de preços no mês de outubro, pois tivemos plantios tardios em áreas irrigadas até o final de julho”, afirma. 

Em SP, a saca de feijão de qualidade está sendo negociada entre R$ 147,00 e R$ 150,00. E com o preço mínimo, de R$ 100,00 a saca, sinalizado pelo Governo, o produtor deve aumentar a área cultivada na próxima safra. 

Entretanto, a analista ainda destaca que os problemas climáticos e o ataque da mosca branca podem comprometer a produtividade das lavouras. “Mas só vamos saber a quantidade de feijão colhido quando tiver dentro do armazém, antes disso é impossível saber”, ressalta Sandra. 

Por: João Batista Olivi/Fernanda Custódio
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário