DA REDAÇÃO: Com aprovação da MP 619, agricultores poderão controlar helicoverpa

Publicado em 26/09/2013 13:11 e atualizado em 26/09/2013 19:17
363 exibições
Helicoverpa: Registro de emergência para liberar a importação de defensivos sem parecer do Ibama ou da Anvisa aguarda aprovação no Senado Federal. Produtores esperam que liberação seja feita dentro de 15 dias. Lavouras recém germinadas já começam a ser atacadas pela lagarta.

A lagarta helicoverpa pode prejudicar a safra 2013/14, uma vez que no Mato Grosso (MT) lagartas adultas já atacam a soja recém plantada. No entanto, nesta última quarta-feira (25), a Câmara dos Deputados aprovou a MP 619, a qual possui uma emenda que permite ao Ministério da Agricultura decretar a importação de defensivos em caráter emergencial para o controle de pragas, entre elas a helicoverpa.

Para Glauber Silveira, Presidente da Aprosoja Brasil, isso foi uma vitória e, nesse momento, falta apenas o Senado também aprovar essa emenda, para que ela se torne um projeto de lei. A expectativa é que isso chegue ao campo em 15 dias porque os produtores precisam dos defensivos e os parlamentares devem colaborar para que isso aconteça.

“Com essa medida o Ministério da Agricultura fica autorizado a dar o aval para a importação e aplicação dos defensivos em caso de emergência, sem que a Anvisa ou o Ibama sejam consultados”, afirma Silveira.

Quando houve a insurgência da ferrugem da soja, sem condições para fazer o controle da doença, o Brasil teve cerca de 25 bilhões de dólares em prejuízos. Silveira diz que agora os produtores poderão combater a helicoverpa com técnicas de manejo e produtos para controle.

Por: João Batista Olivi e Paula Rocha
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário