DA REDAÇÃO: Sob suspeita de fraude, Diretor de Política Agrícola da Conab deve ser afastado

Publicado em 26/09/2013 14:17 e atualizado em 26/09/2013 16:35
325 exibições
Brasília: Ministério da Fazenda deve fazer renegociação das dívidas dos produtores de soja, nos moldes das renegociações feitas para os orizicultores. No Ministério da Agricultura, envolvidos com suspeita de fraude no programa de aquisição de alimentos são afastados, incluindo o diretor da Conab no Paraná, Sílvio Porto.

O diretor de Política Agrícola da Conab, Sérgio Porto, deve ser afastado do cargo até que se apure seu envolvimento em um caso de corrupção dentro do órgão, como informou o ministro da Agricultura, Antonio Andrade.

Segundo a repórter Daniela Castro, em entrevista à segunda edição do programa Mercado & Cia, do Canal Rural, o ministro declarou que todos os envolvidos em suspeita de fraude seriam afastados. Porto alega inocência, mas Polícia Federal diz que fraude, que já atingiu 6 estados brasileiros, é enorme. Funcionários da Conab falsificavam documentos em nome de produtores fictícios e não repassavam alimentos que seriam destinados a escolas e hospitais.

Soja

O Ministério da Fazenda deve conceder aos produtores de soja o direito à renegociação de suas dívidas. Nos mesmos moldes da renegociação oferecida aos produtores de arroz, eles devem ter 10 anos para pagamento, com juros de 5,5% ao ano. Na próxima semana, deputados irão se reunir novamente no Ministério da Fazenda em prol do direito, mas tudo indica que a confirmação deve sair nos próximos dias.

Por: João Batista Olivi // Izadora Pimenta
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário