DA REDAÇÃO: Municípios do Paraná registram acumulados de mais de 400 mm

Publicado em 09/06/2014 13:25 e atualizado em 09/06/2014 17:01 230 exibições
Chuvas PR: Ainda não é possível quantificar os danos causados pelos grandes volumes, mas em curto prazo poderá trazer alterações de preços para hortaliças, feijão e leite. Municípios de Guarapuava e Três Rios são os mais atingidos.

Paraná sofre com os grandes acumulados de chuvas que atingiram o estado no último final de semana, principalmente na região sul. O diretor do Departamento de Economia Rural (Deral), Francisco Simioni, explica que os munícipios próximos a Guarapuava e Três Rios tiveram acumulados de mais de 400 mm, enquanto regiões mais ao norte do estado tiveram variações de 80 mm a 120 mm. Esses grandes volumes causam preocupação para as lavouras de milho safrinha, feijão segunda safra, trigo, e também para o café.

Para Simioni, a preocupação maior é com a população, pois a produção pode ser recuperada. Porém, as chuvas devem trazer alterações de preços para hortaliças, mesmo que a grande parte das plantações utilize o sistema de estufas o escoamento poderá ser prejudicado pelos estragos nas estradas. Essas alterações também poderão ser sentidas para o feijão e leite, mas ainda é difícil ser quantificado. 

A recomendação para os produtores é que comuniquem o seguro rural, para calcular perdas, se houver. No momento não chove mais em diversas regiões do estado e para os próximos dias a previsão é de tempo estável. 

Por:
João Batista Olivi // Sandy Quintans
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário