DA REDAÇÃO: Para produtor do RS, plantio de soja safrinha é rentável

Publicado em 16/06/2014 13:33 e atualizado em 16/06/2014 17:48 705 exibições
Soja: Produtor de São Luiz Gonzaga (RS) teve lucratividade com a safrinha e diz que não há problemas com o controle de pragas, apenas com uma pequena incidência de ferrugem asiática.

Apesar das polêmicas envolvendo a prática de soja safrinha, há produtores que alcançam boa remuneração com a segunda safra. Alguns pesquisadores alertam que a safrinha poderia trazer resistência das pragas aos herbicidas pelo excesso de aplicações. O produtor rural de São Luiz Gonzaga (RS), Plínio Pedro Plínio Vieira Marques, faz a segunda safra de soja há alguns anos e diz que sua meta é colher 100 sacas por hectare, que neste ano atingiu 97 sacas juntando as duas safras. 

Em relação aos custos, ainda é rentável para o produtor. “O custo fica abaixo porque na safrinha eu simplesmente jogo a semente, então eu tenho problema do ataque de ferrugem, mas como eu coloco variedade precoce com duas aplicações eu consigo liquidar esse ataque e o custo não fica tão alto”, conta o produtor. Plínio explica que não se preocupa com a incidência de pragas, pois faz o controle adequado.

Mesmo com as duas safras de soja, Plínio consegue fazer a cobertura de inverno e neste ano plantou trigo. À espera de preços melhores no mercado interno, ele começa a negociar o trigo que colheu na safra anterior que apesar dos custos altos, a produtividade compensa. 

Por:
João Batista Olivi // Sandy Quintans
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário