DA REDAÇÃO: Setor sucroalcooleiro perde espaço na sociedade brasileira

Publicado em 14/07/2014 13:15 e atualizado em 14/07/2014 15:44 263 exibições
Cana-de-açúcar: Há muita atenção por parte do Governo Federal para o pré-sal, enquanto o açúcar enfrenta crise. Projeto Caminhos da Cana pretende trazer esclarecimento aos produtores do setor, por meio de um livro que demonstra os impactos da crise para situação econômica do país.

Com falta de resoluções estruturais, problemas logísticos e perdas na entrega de etanol para a Petrobrás, o setor sucroalcooleiro do Brasil têm perdido espaço, fazendo com que muitos produtores abandonem a produção. De acordo com Marcos Fava Neves, professor pesquisador da Universidade de São Paulo (USP), o país precisa fortalecer ainda mais o agronegócio, seu carro-chefe, e se tornar um país amigo do investimento nacional.

Para orientar os produtores quanto ao problema da cana-de-açúcar, Neves participa do projeto Caminhos da Cana, que roda 20 municípios canavieiros dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Paraná a fim de conversar com os produtores da região e chamar a atenção para a situação considerada "calamitosa".

O pesquisador conta que, com a menor produção de cana, o país perde a quantidade de açúcar e etanol para a exportação, depende da compra de etanol americano, perde empregos com usinas fechadas e que deixaram de ser abertas e ainda possui perdas ambientais na substituição do etanol pela gasolina.

"Existe um caminho. O caminho para o setor é positivo", aponta Neves, que deseja uma melhor sensibilização do Brasil para que não sejam cometidos novamente os erros de política pública que geram resultados ruins para a balança comercial.

Por:
João Batista Olivi // Izadora Pimenta
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário