EXCLUSIVO: Baixa oferta eleva a arroba do boi gordo em plena de safra

Publicado em 17/02/2011 11:53 e atualizado em 17/02/2011 15:37 1512 exibições
Boi: Mercado enfrenta um "buraco na oferta", ainda reflexo da seca do ano passado. Escalas continuam curtas e expectativa é de que situação melhore no início de março.

 

Apesar de estar no período de safra da pecuária, o mercado está enfrentando um “buraco na oferta”, ainda reflexo da severa seca no final do ano passado. As escalas continuam curtíssimas, com as empresas frigorificas precisando pagar mais pela arroba para preencher escalas. A expectativa é de que a situação melhora com o início do mês de março.

Segundo Renata Fernandes, analista da mesa de boi da Indusval Multistock Corretora, com a arroba mais alta em dezembro, muito pecuaristas entregaram animais ainda magros para aproveitar os preços da escassez. Este cenário também é reflexo do abatimento de matrizes em 2006, somada a seca em 2010.

Com isso, houve reajuste de preços nas principais praças do país, com destaque para Mato Grosso o Sul, abastecedora das indústrias de São Paulo, que subiu a arroba para R$ 97,00 à vista. Na praça paulista, negócios pontuais acontecem a R$ 103,00, mas o preço referência para a arroba é de R$ 102,00 à vista. Na BM&F (Bolsa de Mercadorias e Futuro), o vencimento mais curto (fevereiro), trabalha acima de R$ 104,00.

 

Por:
Aleksander Horta e Juliana Ibanhes
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário