DA REDAÇÃO: Oferta de animais deve dar tom ao mercado até a chegada do boi de confinamento

Publicado em 14/07/2011 13:00 e atualizado em 15/07/2011 07:39 705 exibições
Boi: oferta de animais deve dar tom ao mercado até a chegada do boi de confinamento. Mesmo com demanda fraca por carnes, preços tendem a ficar estáveis com possibilidade de pequenas altas nos próximos dias.
Mercado do boi gordo se mantém firme. A oferta segue escassa e os estoques no varejo estão mais enxutos. As escalas curtas, que atendem em média de dois a três dias, forçam pagamentos maiores pela arroba do animal terminado.

A oferta de animais deve dar tom ao mercado até a chegada do boi de confinamento. Para a especialista em mercado pecuário da XP Investimentos, Lygia Pimentel, a oferta do boi de coxo deve entrar no mercado de forma lenta e gradativa e, portanto, não deve interferir de forma significativa a ponto de pressionar negativamente os preços.

Mesmo com a lateralidade da demanda, os preços tendem a ficar estáveis com possibilidade de pequenas altas nos próximos dias, já que é mesmo a questão da oferta deve direcionar o mercado . "Está num ritmo para a volta dos R$ 100,0/@ em São Paulo", aposta.

Por:
Aleksander Horta e Marília Pozzer
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário