Avicultura/SC: Custo de produção está pesando mais que demanda retraída, diz liderança

Publicado em 19/05/2021 11:49 642 exibições
Jorge Luiz de Lima - Gerente Executivo da ACAV
Cooperativas e indústrias sinalizam, de forma individual, reprogramação nos alojamentos de aves à campo

Podcast

Entrevista com Jorge Luiz de Lima - Gerente Executivo da ACAV sobre o Mercado de Frango

Download

LOGO nalogo

A pressão pelos custos de produção na avicultura em Santa Catarina é o que tem mais preocupado o setor, de acordo com o gerente executivo da Associação Catarinense de Avicultura (Acav), Jorge Luiz de Lima. Ele explica que, de maneira individual, empresas e cooperativas já se manifestam em relação à readequação do número dos alojamentos de aves como forma de tentar mitigar o impacto dos custos e reduzir a oferta de carne.

Lima explica que o que era possível repassar à ponta consumidora, no que se refere aos custos de produção, já vem sendo repassado desde o final do ano passado, quando os principais componentes da ração das aves - milho e farelo de soja - iniciaram trajetória de alta acelerada. 

"As agroindústrias maiores têm uma condição mais robusta para suportar esse impacto, já que conseguem comprar os insumos em maiores quantidades e melhores preços, com condições de armazenar. Os médios e pequenos acabam sofrendo mais, justamente por não possuírem estes recursos", disse.

Além disso, as empresas que atendem o mercado de exportação conseguem ter uma rentabilidade melhor, uma vez que os preços da proteína no mercado externo e a demanda seguem mais equilibrados do que no mercado doméstico.

Por:
Letícia Guimarães
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário