Suinocultor passou por prejuízo os 12 meses de 2021, diz presidente da APCS

Publicado em 03/12/2021 15:04 715 exibições
Valdomiro Ferreira - Presidente APCS
Segundo Valdomiro Ferreira, atualmente o suinocultor paulista tem prejuízo de R$ 100,00 a cada 100 quilos de animal terminado

Podcast

Entrevista com Valdomiro Ferreira - Presidente APCS sobre o Mercado dos Suínos

Logotipo Notícias Agrícolas

Mesmo neste final de ano, época em que tradicionalmente a demanda e os preços da carne suína melhoram, o produtor não está conseguindo sequer cobrir os custos de produção, segundo o presidente da Associação Paulista de Criadores de Suínos (APCS), Valdomiro Ferreira. Ele explica que a cada 100kg de animal terminado, o produtor perde R$ 100,00.

"Infelizmente o suinocultor vai terminar 2021 tendo apssado por prejuízos pelos 12 meses. E 2022 também promete desafios ao setor", disse.

Ferreira explica que para o ano que vem, a China deve seguir em processo de recuperação dos plantéis e renegociando valores dos contratos de importação da proteína com o Brasil. Soma-se a isso a questão da inflação norteamericana que deve elevar os juros nos Estados Unidos, atraindo investidores, valorizando o dólar e encarecendo commodities, como milho, soja r farelo, componentes que pesam no custo de produção da suinocultura. 

"Tivemos um crescimento expressivo de produção em 2021, e a suinocultura tem um ciclo longo, leva tempo para reduzir. Esperamos que com as vendas de final de ano essa oferta seja escoada, e talvez 2022 tenha um crescimento menor do que foi este ano", explicou.

 

Por:
Letícia Guimarães
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário