HOME VÍDEOS NOTÍCIAS DADOS DA SAFRA METEOROLOGIA FOTOS

Grupo GCONCI acredita em safra de laranja com menos de 250 milhões de caixas e já espera por prejuízo na safra de 2022

Publicado em 18/10/2021 15:37 e atualizado em 18/10/2021 17:34 1275 exibições
Gilberto Tozatti - Eng. Agr. Consultor em Citros - GCONCI
Com retorno das chuvas produtor precisa estar atento ao manejo nutricional para minimizar os impactos nos próximos ciclos

Podcast

Entrevista com Gilberto Tozatti - Eng. Agr. Consultor em Citros - GCONCI sobre o Mercado da Laranja

Logotipo Notícias Agrícolas

As chuvas começam a chegar com mais intensidade nas áreas de produção de citrus do país e os pomares começam a se restabelecer após dois anos de seca prolongada e três geadas. 

Segundo Gilberto Tozatti, conseultor em citrus do grupo GCONCI destaca em entrevista ao Notícias Agrícolas a importância do retorno da umidade, mas avalia que a quebra na safra sendo colhida deve ser ainda mais expressiva do que o estimado pela Fundecitrus. Para o consultor, a produção deste ano não deve ultrapassar as 250 milhões de caixas. 

Além disso, o especialista comenta que é o produtor precisa estar atento ao manejo nutricional da planta, focando em minimizar os danos das adversidades climáticas. "É inevitável o prejuízo para a próxima safra, nós não temos dúvidas quanto a isso", comenta Gilberto. 

Gilberto comentou ainda a quebra de safra divulgada pela Flórida na semana passada. "A Flórida simplesmente perdeu a importância em termos de produção. As importações de suco vão continuar firmes porque os Estados Unidos precisam de suco de laranja. O Brasil se tornou o único fornecedor de suco de laranja pro mundo. A quebra de safra no Brasil vai afetar os preços de forma positiva", comenta. 

De acordo com os dados divulgados, um total de 1,2 bilhão de litros de suco de laranja foram produzidos internamente nos Estados Unidos na safra 2020-2021, resultado 27% abaixo da produção da temporada passada. Isso marca o menor volume de produção de suco de laranja em mais de 50 anos, excluindo 2017-18, quando o furacão Irma reduziu a safra da Flórida Valencia em até 30%. 

Confira a entrevista completa no vídeo acima

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário