Um novo fungicida protetor, com ação multissítio, é apontado por pesquisadores como alternativa para reduzir o problema de resistência de fungos

Publicado em 13/03/2015 13:53 e atualizado em 16/03/2015 15:30
13381 exibições
Um novo fungicida protetor, com ação multissítio, é apontado por pesquisadores como alternativa viável para reduzir o problema de resistência de fungos no campo
Entre os problemas que afetam a produção de soja no Brasil, a ferrugem asiática, doença causada pelo fungo Phakopsora pachyrhizi  tem causado enormes danos econômicos. 
 
De acordo com professor de Fitopatologia da Universidade de Rio Verde Goias, Luis Henrique Carregal, "hoje o fungo causador da ferrugem asiática apresenta resistência parcial aos triazóis e as estrobilurinas (principais princípios ativos utilizados no Brasil), causando redução na eficácia do controle", declara.
 
Dessa forma, a utilização de um fungicida que não combate totalmente o fungo, causa perda de áreas fotossintéticas e consequentemente redução na produtividade. 
 
Segundo Carregal, a resistência é causa de uma série de fatores, que "estão relacionados ao mau uso dos produtos, até mesmo o surgimento de forma aleatória pelo processo de mutação, onde os novos fungos podem apresentar características diferentes (resistência) pela utilização incorreta do fungicida", explica.
 
No entanto, um grupo de 21 fitopatologistas brasileiros desenvolveu uma pesquisa sobre alternativas de programas de manejo de resistência, que teve início em 2011, resultando em um novo fungicida protetor.
 
O novo fungicida protetor, Unizeb Gold da UPL, é indicado para lavouras de soja, milho e algodão, no combate a fungos que criaram resistência a controle de doenças no campo em decorrência do uso indiscriminado de fungicidas sistêmicos, sem alternância de princípios ativos. 
 
Outro aspecto do produto, é a possibilidade de associação com outros fungicidas mais comumente utilizados, o que pode promover um ganho de produtividade, variando de acordo com o tipo de cultivo.
 
"É um fungicida que chamamos de multissítio, que atua no fungo em diferentes formas, ao contrário do modo específico dos triazóis e estrobilurinas. Com isso, há diminuição no risco de resistência", ressalta Carregal.
 
Para ele, os fungicidas protetores deve ganhar ainda mais destaque nos próximos anos, haja vista que eles potencializam a eficácia dos produtos que já apresentam resistência, além de preservar o efeito das carboxamidas, principio ativo ainda sem registro de resistência.
 
Dessa forma, o Unizeb Gold é um produto de utilização casada, ou seja, potencializador, uma vez que "o triazol, por exemplo, só inibi uma rota metabólica do fungo, ou seja, é muito especifico. Mas no caso dos fungicidas multissitios (protetor) ele age em vários pontos diferentes do fungo que são inibidos pela ação desses produtos", explica.
 
No entanto, ainda é necessário que o produtor realize outras medidas preventivas, como respeitas as exigências do vazio sanitário e utilizar cultivares de ciclo mais curto. 
 
Confira a foto enviada pelo Profº  Luiz Henrique Carregal

 

Tags:
Por: Aleksander Horta e Larissa Albuquerque
Fonte: Notícias Agrícolas

2 comentários

  • Fabrício Morais Brasília - DF

    Não bem por aí não, sr. Guerrero. E se for, quer dizer que toda a nossa Embrapa soja e pesquisadores sérios deste país estão vendidos???. O Carregal falou de forma truncada porque o áudio da entrevrevista estava ruim. O efeito potencializados do mancozeb para fungicidas foi descoberto recentemente. O pulo do gato é aprovar misturas dos fungicidas com mancozeb. Isso ai virará realidade em breve. Abraços aos amigos do Notícias Agrícolas.

    0
  • R L Guerrero Maringá - PR

    Que engraçado.

    Após assistir esse vídeo, tenho a nítida sensação de que algum espertalhão tentou me vender um bilhete premiado.

    0
    • Fabrício Morais Brasília - DF

      Bendito corretor automático. Corrijo meu texto com é antes de bem e troco grevista por entrevista.

      1
    • CESAR AUGUSTO SCHMITT Maringá - PR

      Guerrero, não tenha essa sensação, tenha certeza, absoluta.

      1