Em Laguna Carapã (MS), colheita da soja segue atrasada com chuvas constantes

Publicado em 01/03/2018 10:57 e atualizado em 16/03/2018 14:48
1429 exibições
Cerca de 50% da safra foi colhida até o momento e problemas com grãos ardidos são pontuais. Produtividade média deve ficar próxima da registrada no ciclo anterior, de 58 scs/ha. Preços subiram para R$ 65,10 a saca e produtores retomam negócios. Em torno de 30% da safrinha de milho foi plantada e agricultores têm até o dia 10 de março para finalizarem a semeadura.

Podcast

Em Laguna Carapã (MS), colheita da soja segue atrasada com chuvas constantes

Download

Os produtores rurais estão enfrentando problemas com a colheita da soja por conta do excesso de chuvas na região de Laguna Carapã/MS. Até o momento, já foram colhidos em torno de 50% da área cultivada com a safra 2017/18. Alguns agricultores também relataram problemas pontuais com grãos ardidos.

De acordo com o presidente do Sindicato Rural do município, João Firmino, as previsões climáticas para os próximos dias não são nada animadoras. “Nós temos indicativos de chuvas até o final de semana, por isso, que quando sai o sol nós temos que aproveitar”, afirma.

Nesta temporada, a expectativa é que a produtividade média das lavouras fique próxima de 58 sacas do grão por hectare, o mesmo rendimento que na safra passada. A falta de luminosidade foi outro fator que prejudicou o desenvolvimento da planta. “Durante o mês de janeiro choveu todos os dias, por isso, os tratos culturais e aplicação de fungicidas ficaram difícil de ser realizada”, comenta.

Comercialização

Na localidade, as referências para a soja subiram e muitos produtores rurais retomaram as negociações. “No começo da safra os preços para a saca girava em torno de R$ 59,00. Hoje, a soja está cotada a R$ 65,10 na cooperativa da região”, ressalta.

Milho Safrinha

Os produtores rurais estão preocupados com o cultivo de milho safrinha, visto que a colheita da soja está atrasada em 20% e pode comprometer a janela ideal de plantio. “Como os produtores já compram os insumos o plantio vai ser feito, mas acredito que 80% cultivado dentro de dez dias. No entanto, os preços para o milho estão ao redor de R$ 22,00 a saca, nestes patamares remuneram o produtor”, finaliza a liderança.

Por: Fernanda Custódio e Andressa Simão
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário