Clima nos EUA e mais atraso no plantio podem promover novas altas nos preços para soja em Chicago na próxima semana

Publicado em 17/05/2019 16:11 e atualizado em 17/05/2019 17:41
2580 exibições
No mercado interno dólar acima dos R$4,00 e prêmios superiores a 100 pontos estimulam vendas da soja
Ginaldo de Sousa - Diretor Geral do Grupo Labhoro

Podcast

Entrevista com Ginaldo de Sousa - Diretor Geral do Grupo Labhoro sobre o Fechamento de Mercado da Soja

Download

LOGO nalogo

Nesta sexta-feira (17), o mercado da soja teve uma queda expressiva na Bolsa de Chicago (CBOT), de mais de 18 pontos, enquanto o milho teve uma alta, porém pequena: de até quatro pontos nos principais vencimentos.

Ginaldo de Sousa, diretor geral do Grupo Labhoro, diz que o mercado, na verdade, não mudou de lado. São os mesmos fatores que continuam influenciando as cotações, porém, o sentimento do dia levou a soja a essa queda.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, continua ressaltando as retaliações em relação à China, de forma que não se sabe qual será a resolução da guerra comercial que se arrasta há tempos.

Por outro lado, o plantio norte-americano começa com atrasos na soja e no milho, deixando em dúvida qual será a área destinada para cada um dos cultivos - lembrando que a soja também conta com altos estoques.

Por: Aleksander Horta e Izadora Pimenta
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário