HOME VÍDEOS NOTÍCIAS DADOS DA SAFRA METEOROLOGIA FOTOS

Goiás se encaminha para reta final do plantio da soja esperando bons resultados de produção e comercialização

Publicado em 25/11/2020 16:07 812 exibições
Adriano Antônio Barzotto - Presidente da Aprosoja GO
Semeadura começou atrasada, mas trabalhos avançaram rapidamente e com eficiência. Até o momento, mais de 60% da produção já foi vendida e a Aprosoja GO recomenda cautela para novas comercializações

Podcast

Goiás se encaminha para reta final do plantio da soja esperando bons resultados de produção e comercialização

Download

LOGO nalogo

Os produtores de Goiás se encaminham para encerrar o plantio da safra de soja 2020/21 com um percentual de 90% a 95% já semeados até o momento. O restante são áreas novas, que necessitam de mais chuva para o plantio, e devem ser retomadas após o retorno das precipitações previsto para dezembro.

Segundo o presidente da Aprosoja GO, Adriano Antônio Barzotto, o plantio começou com quase 30 dias após o término do vazio sanitário devido a falta de chuvas nas regiões produtoras. Assim, as atividades tiveram início apenas em 20 de outubro e seguiram de maneira rápida e eficiente.

Com um bom trabalho inicial, agora o foco passa a ser no manejo das lavouras e nas aplicações programadas para manter o potencial produtivo da safra e a expectativa da entidade de colher 14 milhões de toneladas neste ciclo 2020/21.

Até aqui, mais de 60% da safra já foi vendida e o presidente recomenda que os produtores tenham cautela a partir de agora e esperem um melhor desenvolvimento das lavouras antes de se comprometerem com mais volumes vendidos.

Para a segunda safra de milho, Barzotto destaca que a maior parte das lavouras vai ser plantada em fevereiro dentro da melhor janela de cultivo, restando poucas áreas para plantio em março com menor potencial produtivo.

Confira a íntegra da entrevista com o presidente da Aprosoja GO.

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário