HOME VÍDEOS NOTÍCIAS DADOS DA SAFRA METEOROLOGIA FOTOS

Produtores do triângulo mineiro se preparam para iniciar colheita da soja animados para ter boa produtividade

Publicado em 25/01/2021 11:17 1167 exibições
Thiago Soares Fonseca - Vice-Presidente da Faemg
Após atraso no plantio pela falta de chuvas, situação climática melhorou e lavouras se desenvolveram bem. Desafio agora será colher a soja rapidamente e plantar a segunda safra de milho ainda dentro da janela ideal de cultivo

Podcast

Produtores do triângulo mineiro se preparam para iniciar colheita da soja animados para ter boa produtividade

Download

LOGO nalogo

A safra de soja 2020/21 foi de grandes emoções para os produtores do triangulo mineiro até este momento. Os trabalhos começaram atrasados, faltou chuva e muita gente teve que interromper as atividades. Porém, dezembro teve muita chuva e janeiro também começou positivo para as lavouras.

Segundo o vice-presidente da Faemg (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais), Thiago Soares Fonseca, neste momento a região passa por um veranico, mas as expectativas estão elevadas para uma boa produtividade. Em sua própria propriedade, Thiago espera, pelo menos, manter as 70 sacas por hectare da média dos últimos anos, ou até mesmo superar este patamar.

A liderança comenta que alguns pivôs isolados já estão colhendo, mas as lavouras de sequeiro devem realizar dessecações nesta semana e iniciar as atividades no início de fevereiro. Até lá, foco no planejamento e regulagem dos equipamentos.

Isso porque, a colheita deverá ser realizada rapidamente para dar condições de plantio do milho safrinha dentro da melhor janela para a região, que tem período ideal até 15 de fevereiro, mas é boa até o final do mês.

Olhando para o mercado, Fonseca destaca que muitas vendas antecipadas já foram fechadas com patamares entre 90 e 100 reais, que são menores do que os atuais, mas eram muito positivos no momento das negociações.

Confira a entrevista completa com o vice-presidente da Faemg no vídeo.

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário