HOME VÍDEOS NOTÍCIAS DADOS DA SAFRA METEOROLOGIA FOTOS

MS encerra safra de soja com resultados positivos e agora se preocupa com a safrinha de milho

Publicado em 16/04/2021 10:54 e atualizado em 19/04/2021 17:46 995 exibições
José Pádua - Gerente Técnico do Sistema Famasul
Mais da metade das lavouras ficaram fora da janela ideal nesta segunda safra e acompanhamento das chuvas vai ser essencial para atingir um bom potencial produtivo

Podcast

MS encerra safra de soja com resultados positivos e agora se preocupa com a safrinha de milho

Download

LOGO nalogo

A colheita da soja está praticamente encerrada no Mato Grosso do Sul e, após um início de ciclo complicado com atrasos e falta de chuvas, os resultados finais estão aparecendo em patamares satisfatórios.

Segundo o gerente técnico do Sistema Famasul, José Pádua, os números desta safra 2020/21 ainda estão sendo contabilizados, mas de maneira geral, foram produções positivas para os produtores sul-mato-grossenses.

Do lado da comercialização, 70% desta produção já foi negociada, o que, na visão do gerente, demonstra que a demanda pelo grão segue firme no estado. Inclusive, negociações para o ciclo 2021/22 já estão acontecendo no planejamento e compra de insumos.

Já para a safrinha de milho as preocupações são grandes. Pádua relata que mais da metade das lavouras ficou fora da janela ideal de cultivo, contra uma média das últimas 5 safras de 20% fora do melhor período. 

Além de atrasada, a safra apresenta um desenvolvimento desuniforme das lavouras, com o mesmo município tendo milhos de 30 dias e de 60 dias convivendo. Neste cenário, as precipitações para a recuperação das áreas e garantia de bom potencial produtivo serão essenciais ao longo da temporada.

A liderança destaca ainda que, até o momento, não há relatos de grandes problemas no desenvolvimento do milho segunda safra no Mato Grosso do Sul, mas que é preciso que ocorra novas precipitações nos próximos dias.

Confira a íntegra da entrevista com o gerente técnico do Sistema Famasul no vídeo.

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário