HOME VÍDEOS NOTÍCIAS DADOS DA SAFRA METEOROLOGIA FOTOS

Vazio sanitário da soja já começou no Paraná e pode ajudar no controle da Ferrugem Asiática

Publicado em 15/06/2021 10:17 483 exibições
Edivan José Possamai - Coordenador Estadual Programa Grãos Sustentáveis do IDR-PR
Entre 10 de junho e 10 de setembro produtores paranaenses precisam intensificar manejos de controle às plantas voluntárias para eliminar possíveis hospedeiros da doenças

Podcast

Vazio sanitário da soja já começou no Paraná e pode ajudar no controle da Ferrugem Asiática

Download

LOGO nalogo

Entre os dias 10 de junho e 10 de setembro acontece o vazio sanitário da soja no Paraná. Neste período, além de não poder cultivar a soja, os produtores paranaenses precisam intensificar ações de controle às plantas guaxas e voluntárias.

Segundo o coordenador estadual programa Grãos Sustentáveis do IDR-PR, Edivan José Possamai, este período sem cultivo de plantas é essencial para quebrar o ciclo da doença, uma vez que os hospedeiros são uma das pontas do tripé necessário para aparecimento da Ferrugem, ao lado de clima e patógenos.

Leia Mais:

+ Mato Grosso começa hoje vazio sanitário da soja diante de maior pressão para a Ferrugem Asiática

O especialista comenta que no Paraná há muito cultivo de safras de inverno, o que por si só já eleva o controle de plantas voluntárias de soja nas lavouras, mas que a atenção precisar estar também em áreas marginais com as beiras de estrada.

Controle de Esporos

Ao longo da última safra de soja 2020/21, o IDR-Paraná monitorou a presença de esporos da Ferrugem Asiática em uma rede de 250 coletores espalhados pelo estado. Para esta nova temporada, a expectativa é de, no mínimo, repetir este número de coletores, que devem começar a ser instalados a partir de 15 de outubro.

Possamai destaca que um bom monitoramento das condições necessárias para a proliferação da doença tem levado os produtores paranaenses a reduzir drasticamente a necessidade de aplicações de fungicidas, podem em alguns casos até mesmo zerar essas aplicações em determinadas regiões.

Confira a entrevista completa com o coordenador estadual programa Grãos Sustentáveis do IDR-PR no vídeo.

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

1 comentário

  • leandro carlos amaral Itambé - PR

    Enquanto no Paraná não pode se plantar (vazio sanitário), no Rio Grande do Sul tão colhendo soja safrinha com ótima produtividade

    4