Boi Gordo: Semana começa com mercado valorizado e referências sobem

Publicado em 09/09/2013 17:00
857 exibições

Hyberville Paulo D´Athayde Neto
médico veterinário
Scot Consultoria

Mercado do boi gordo começou a semana com valorização em São Paulo. 

De maneira geral, as escalas de abate no estado atendem entre três e quatro dias. Programações maiores são pouco frequentes e com participação importante de animais a termo.

Alguns frigoríficos paulistas estão fora das compras, à espera de uma melhor definição do mercado. Os que abriram as compras não tiveram espaço para testar valores menores.

O preço de referência subiu para R$104,50/@, à vista. Existem negócios em valores maiores.

Em Goiás houve ajustes negativos nas duas praças, mas isto não representa o mercado. Os valores mais altos se tornaram menos frequentes, o que alterou a referência. O cenário é de mercado firme.

No Mato Grosso do Sul ocorrem os preços mais próximos a São Paulo, dentre as praças que ajudam no suprimento dos frigoríficos paulistas. A referência está em R$100,00/@, à vista, nas três praças, mas com negócios ocorrendo acima destes valores.

No mercado atacadista as cotações estão estáveis e o boi casado de animais castrados tem sido negociado por R$6,55/kg.

Clique aqui e confira as cotações do boi.

Fonte: Scot Consultoria

Nenhum comentário