Mercado do boi gordo está largado, por Scot Consultoria

Publicado em 11/06/2019 18:44
805 exibições

Pâmela Andrade

Engenheira agrônoma

Scot Consultoria

Nas praças onde os frigoríficos estão bem posicionados quanto às programações de abate, as cotações caíram.

Porém, as compras com os preços vigentes deprimidosnos últimos dias resultaram numa queda do volume dos negócios. Quem pode, não vende.

Com isso, mesmo com o consumo calmo e o escoamento lento da carne, as indústrias começam a ter dificuldade em preencher as escalas de abate em algumas regiões, como por exemplo, na praça pecuária de Campo Grande-MS.

Na região, a média das escalas de abate atendem a quatro dias e a cotação da arroba do boi gordo subiu.

Em São Paulo, apesar de estabilidade nas cotações na comparação dia a dia, essa menor oferta de boiadas foi sentida e alguns frigoríficos que estavam fora do mercado ontem, abriram a ofertade compras ofertando preços acima das referências.

A margem de comercialização das indústrias que desossam está em 23,9%, acima da média histórica que é de 20%.

Fonte: Scot Consultoria

Nenhum comentário