Calmaria no mercado do boi gordo, por Scot Consultoria

Publicado em 20/04/2021 19:04 e atualizado em 20/04/2021 20:12 379 exibições

Rafael Suzuki

Médico veterinário

Scot Consultoria

Em São Paulo, não houve grandes negócios nessa véspera de feriado nacional. A melhora sutil nas ofertas de boiadas e escalas relativamente alongadas atendendo cerca de cinco a seis dias, permitiram que frigoríficos ficassem fora das negociações nessa terça feira (20/04).  

Os preços permanecem estáveis na comparação diária. O boi, vaca e novilha gordos são negociados, respectivamente em R$316,00/@, R$291,00/@ e R$306,00/@, preço bruto e a prazo.

 

Noroeste do Paraná

Aqui foi diferente e a cotação subiu. A alta foi de R$2,00/@ para o boi gordo e de R$3,00/@ para vaca e novilha gordas, assim, as cotações estão, respectivamente, em R$305,00/@, R$287,00/@ e R$301,00/@, preços brutos e a prazo.

Alagoas

Em Alagoas a cotação também subiu. Alta de R$3,00/@ do boi gordo. O boi, vaca e novilha gordos estão negociados em R$300,00/@, R$280,00/@ e R$289,00/@, respectivamente, preços brutos e a prazo.

Exportação

Até a terceira semana de abril, o Brasil exportara, em média, 6,77 mil toneladas de carne bovina in natura por dia, acréscimo de 16,5% em relação ao mesmo período de 2020. Quanto ao preço, a tonelada foi negociada a US$4.710,70/t, incremento de 7,7% na comparação feita ano a ano. 

Fonte:
Scot Consultoria

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário