Análise de mercado do boi gordo

Publicado em 30/03/2010 17:01 1156 exibições

Hyberville Paulo D’Athayde Neto<?xml:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

médico veterinário

Scot Consultoria

 

Mercado em alta.

 

O mercado está firme e o preço do boi subiu em boa parte das praças. Em São Paulo, é negociado em R$80,00/@, a prazo, livre do funrural. Mesmo depois da alta, as escalas ainda estão curtas, atendendo de <?xml:namespace prefix = st1 ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:smarttags" />2 a 3 dias, em média. A vaca segue a tendência e está cotada em R$75,00/@, nas mesmas condições.

 

No Mato Grosso do Sul os frigoríficos pagam R$75,00/@, à vista ou R$76,00/@, a prazo, ambos livres de imposto. Em Goiás, Sul de Minas e Triângulo Mineiro, o preço do boi também é R$76,00/@, a prazo, livre de imposto e as compras estão lentas.

 

A necessidade de animais para preencher as escalas e suprir o aumento de consumo esperado para o início do mês pode fazer com que novos reajustes sejam observados.

 

Acompanhando o comportamento do mercado de São Paulo e ainda com dificuldade na realização dos negócios, frigoríficos de diversas praças aumentaram os preços do boi gordo. É o caso do sul da Bahia, Norte do Mato Grosso, Cuiabá, Paraná, Rondônia e Tocantins.

 

O mercado atacadista segue estável, com expectativas de aumento na demanda nos próximos dias.

 

 

Clique aquipara acessar as cotações do boi gordo.

Fonte:
Scot Consultoria

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário