Análise de mercado do boi gordo

Publicado em 07/04/2010 17:04 1132 exibições

Maria Gabriela O Tonini<?xml:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

médica veterinária

Scot Consultoria

 

 

Mercado firme, com pouca evolução nos negócios desde o início da semana. Aos poucos as escalas são preenchidas.

 

Em São Paulo persiste a dificuldade nas compras e o boi gordo segue negociado por R$82,00/@, a prazo, livre do funrural, chegando a R$81,00/@, à vista, também livre do imposto em algumas ocasiões. As escalas pouco evoluíram, mesmo com o aumento para R$77,00/@, à vista, livre do funrural no pagamento pelo gado do Mato Grosso do Sul. Em média, as programações de abate giram em torno de 3 dias.

 

A cotação do boi gordo subiu no Triângulo Mineiro, alcançando R$78,00/@, a prazo, livre do imposto. Ainda existem ofertas mais baixas, mas com grande dificuldade nas compras. As escalas também atendem cerca de 3 dias.

 

No Mato Grosso do Sul houve alta no pagamento à vista do gado nas regiões de Campo Grande e Dourados (onde o preço também subiu no pagamento a prazo). As compras fluem um pouco melhor depois das altas, mas ainda assim não existe grande oferta.

 

O preço do boi também subiu em Rondônia, onde os negócios com o boi gordo chegam a R$70,00/@, à vista, livre do imposto.

 

No mercado atacadista de carne bovina os preços estão estáveis e a oferta segue minguada.

 

Clique aquipara acessar as cotações do boi.

 

 

 

 

 

 

Fonte:
Scot Consultoria

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário