Boi Gordo: Pressão de baixa continua

Publicado em 30/11/2010 16:02 e atualizado em 30/11/2010 17:27 923 exibições

Hyberville Paulo D´Athayde Neto
médico veterinário
Scot Consultoria


A pressão de baixa continua, apesar de não haver oferta abundante.

Mesmo sem excesso de animais disponíveis, os preços menores, aos poucos, têm se consolidado. Hoje o preço referência em São Paulo está em R$105,00/@, a prazo, livre de imposto.

Vários frigoríficos estão fora das compras. As escalas atendem entre quatro e cinco dias.

Ontem o mercado estava especulado, com tentativas de recuo de preços por parte dos frigoríficos na maior parte das regiões. Em algumas houve realmente queda, em outras os negócios travaram. 

No Mato Grosso do Sul, por exemplo, os preços caíram nas três regiões, Dourados, Três Lagoas e Campo Grande. Nas três regiões os negócios ocorrem por R$97,00/@, a prazo, livre de imposto.

No Norte do Tocantins e Sudeste do Mato Grosso a pressão de baixa travou o mercado e a referência se manteve. Nestas praças os negócios com o boi gordo ocorrem em 94,00/@ e 95,00/@, respectivamente, a prazo, livres de imposto.

No mercado atacadista houve queda de preços para todas as peças, exceto para a ponta de agulha (charque).
 
Clique aqui e confira as cotações do boi.

Fonte:
Scot Consultoria

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário