De forma geral, lavouras de trigo do RS permananecem em boas condições e se encaminham para a fase final

Publicado em 05/10/2010 17:24
611 exibições
Até o final da semana passada, as intensas chuvas ocorridas no Rio Grande do Sul ainda não haviam afetado negativamente as lavouras de trigo do estado. De acordo com a Emater, mesmo as tempestades mais fortes e acompanhadas de fortes ventos não afeto o padrão dominante das lavouras, que continuam apresentando bom potencia produtivo. No entanto, a partir de agora é preciso um período mais seco, uma vez que 50% das lavouras já este em fase de enchimento de grãos e já há áreas em que o grão já está completamente maduro, mais aguarda justamente a redução dos níveis de umidade para começar a ser colhido. Estas últimas áreas ainda representam apenas 4% do total, mas mesmo a fase de enchimento de grãos já começa a exigir menor umidade relativa do ar para que, principalmente a giberela não prolifere nas lavouras, já que focos da doença foram registrados em algumas regiões do estado após o prolongado período de molhamento proporcionado pelas precipitações acima do esperado em setembro. De acordo com a meteorologia, outubro deve ser um mês com precipitações levemente abaixo do padrão na metade Sul e Oeste do Rio Grande do Sul, bem como novembro e dezembro, quando as chuvas devem ficar abaixo da média em todo o estado. Este prognóstico é extremamente favorável e garante um excelente final de ciclo para aproximadamente 80% do trigo plantado no estado este ano. Quanto aos aspectos de comercialização, os preços permaneceram estáveis em R$ 440,00/ton (R$ 26,40/sc) no Mercado de Lotes do Estado, enquanto que no Mercado de Balcão pode-se dizer que os preços também mantiveram-se estáveis nestes últimos dias, com incremento de apenas 0,2% em comparação com os preços praticados na semana passada, chegando portanto a uma média de R$ 21,71/sc.
Tags:
Fonte: AF News

Nenhum comentário