Fala Produtor - Mensagem

  • carlo meloni sao paulo - SP 31/07/2020 11:04

    CARTA DOS BISPOS AO POVO DE DEUS... Sr. Rodrigo, vou tentar responder a sua pergunta. O Papa Joao XXlll nao fez a reforma agraria, mas foi o primeiro papa a estimular essa ideia---Na sua enciclica Mater et Magistra nos artigos 69 e 96 se encontram as definiçoes... Na epoca o estado Italiano criou a Cassa del Mezzogiorno que era um banco encarregado de pagar as desapropriaçoes de terras destinadas a reforma agraria---Joao XXlll foi contemporaneo de Kennedy,, Kruschev, Fidel Castro, Mao Tse Tung... Nesta epoca, o peso da produçao agricola era' relevante no produto interno bruto hoje a sua importancia e' bem menor, mas por causa dos bispos a celeuma continua---Na biblia a terra pertence a Deus, nos regimes comunistas pertence a humanidade e e' administrada pelo estado----No imperio Romano cujo direito , todo o ocidente segue , a terra e' do homem inclusive tudo que existe em baixo e acima dela---Esses conceitos se chocam entre si... Fidel Castro para obter apoio dos campesinos prometeu-lhes a reforma agraria... Fidel desapropriou a terra dos pais dele bem como aquela de muitas empresas americanas que plantavam cana... Numa passagem Joao XXlll falou ::com nitido apoio a reforma agraria daquele pais... A familia de Mao Tse Tung tambem era grande proprietaria de terra... Voltando para a Igreja Catolica encontramos o conceito que a terra e' de Deus e em inumeros documentos encontramos ataques aos grandes proprietarios que a utilizam como valor pecuniario pouco se interessando a faze-la produzir----Entao temos duas visoes nitidas,,, aquela do comunista Ari Couto que e' contra qualquer latifundiario e temos a visao da Igreja Catolicas que e' contra aos grandes proprietarios que nao a utilizam----E' extremamente facil embaralhar os dois pontos de vista que sao diferentes----O papa Joao Paulo ll o mais anti-comunista de todos, foi um grande defensor da reforma agraria como soluçao das diferencias sociais---Em sua visita a America Latina em 1985 reforçou essa ideia em Cuzco e Iquitos em fevereiro, e em Lucutanga e Quitos em janeiro----Tambem encontramos referencias a reforma agraria em seu discurso no Recife em julho 1980 e depois no Aterrodo Bacanga em Sao Luiz em outubro de 1991----Em 1995 enviou carta aos bispos brasileiros sobre esse mesmo assunto---Entao concluindo ......----Os bispos continuam defendendo esse ponto de vista apesar do fracasso total da produçao----E se continuam defendendo esse ponto de vista apesar de constatarem o fracasso da produçao e' porque A INTENÇAO E" OUTRA---

    13
    • Elton Szweryda Santos Hortolândia - SP

      Parabens Carlo, muito esclarecedor...

      pelo jeito que a coisa anda... cessarão os dizimos pra igreja.

      7
    • Rodrigo Polo Pires Balneário Camboriú - SC

      Sr. Meloni, eu li parte da enciclica e é muito bom saber que aqui existe uma pessoa que compreende e conhece os documentos da Igreja e seus significados. ... Fazemos nossas, nesta matéria, as observações do nosso predecessor Pio XII: "Quando a Igreja defende o princípio da propriedade privada, tem em vista um alto fim ético e social. Não quer dizer que ela pretenda conservar pura e simplesmente o estado presente das coisas, como se nele visse a expressão da vontade divina, nem proteger por princípio o rico e o plutocrata, contra o pobre e o proletário... A Igreja pretende conseguir que a instituição da propriedade privada venha a ser o que deve, conforme o desígnio da Sabedoria Divina e as disposições da natureza".[28] Quer dizer, pretende que a propriedade privada seja garantia da liberdade essencial da pessoa humana e elemento insubstituível da ordem social. Esse principio é fundamental, sem propriedade privada não existe liberdade humana. Fulmina de uma vez por todas com o comuno socialismo. De resto acho legitima a preocupação com os trabalhadores, muito embora o Papa não tenha explicado em sua enciclica como seria possivel a...distribuição?!!! Eu penso que essa distribuição foi conseguida mas seus efeitos não foram bons, hoje em dia existem milhões de pessoas que sobrevivem, a maioria vive bem, sem produzir nada. Só que isso não melhorou a sociedade, não melhorou o ser humano, pelo contrário...na maioria das vezes piorou. Poder, dinheiro, saber, nada disso preenche o ser humano. Mas compreendo e concordo que em uma idéia pelo menos, apresentada nessa enciclica foi lançada a semente de muitas teorias e doutrinas socialistas que levaram uma multidão inúmerável de erros e isso ainda permanece. E não é a idéia da distribuição, que com tudo que se possa falar é inegável que o Papa a vinculou a responsabilidades no trabalho. Não devemos esquecer nunca que a esquerda é especialista em torcer e distorcer palavras e teorias. Obrigado por sua atenção.

      5
    • Rodrigo Polo Pires Balneário Camboriú - SC

      Quanto à intenção Sr. Meloni, isso é claro para mim também. E eu diria mais, a intenção não é fazer reforma agrária, veja a quantidade de terras do Brasil. A questão definitivamente não é essa, e o objeto real dos discursos desses bispos, a maioria eméritos, e ainda uma minoria (se considerarmos todos os bispos do Brasil), é um objeto de poder. Usam isso para tentar retornar ao poder uma escumalha corrupta e assassina que governou o país durante 30 anos. Bom lembrar que a CNBB é uma instituição vinculada à Igreja Católica, ela não é uma INSTITUIÇÃO Católica.

      6
    • Rodrigo Polo Pires Balneário Camboriú - SC

      Sr. Elton, esse aqui é um Padre da Santa Igreja Católica...

      https://www.atrombetanews.com.br/2020/07/31/parabens-muito-corajoso-padre-desmascara-152-bispos-que-assinaram-carta-contra-bolsonaro-todos-comunistas-militantes-sao-podres/?fbclid=IwAR2aR0yyuKM-XxR1bBK1V16nw4MMxKPoLFFYjDythWSRMnRsjjKliOfzVJ8

      5
    • Elton Szweryda Santos Hortolândia - SP

      Concordo plenamente com o senhor, é muito triste e desesperançoso, mas o que fazer se sou cliente de uma empresa cuja diretoria nao vale nada!!! Só tenho uma opçao, cair fora.... (uma vez que dificilmente conseguirei mudar essa diretoria!)!

      7