Fala Produtor - Mensagem

  • RODRIGO POLO PIRES BALNEÁRIO CAMBORIÚ - SC 21/04/2017 06:03

    O Senado aprovou no início dessa noite de terça-feira a chamada nova Lei de Migração. A lei foi aprovada por 44 votos a favor e apenas 4 contra, com uma abstenção. A lei é de autoria do senador tucano comunista Aloysio Nunes e foi elaborada a partir do lobby realizado por ONGs nacionais e estrangeiras junto aos políticos e junto aos vários órgãos do estado brasileiro aparelhados pela esquerda. Os princípios que regem a lei foram ditados pela ONU e pelas suas agências.

    Caso a lei venha a ser sancionada pelo presidente Michel Temer, significará que a condição de ser cidadão brasileiro, nascido ou naturalizado, passa a ser irrelevante para todos os fins que interessam, bem como para o exercício de determinados direitos. A lei também impõe severas restrições ao trabalho da Polícia Federal e do policiamento de fronteiras para o controle de entrada de estrangeiros no país.

    Com a nova lei, o Brasil passará a ser o destino preferencial de todos os tipos de criminosos, terroristas e traficantes, uma vez que a lei cerceia e dificulta o trabalho da polícia federal para esse tipo de controle. A lei também torna virtualmente impossível extraditar qualquer estrangeiro que esteja no país, mesmo que tenha cometido crimes.

    Uma das consequências dessa lei será a de que em curto prazo o governo poderá, por meio de medida administrativa, retirar da Polícia Federal a atribuição que ela detém hoje de controlar a entrada de estrangeiros no país. Essa atribuição ficará a cargo de uma nova Autoridade Migratória, a ser constituída com a participação de representantes de ONGs e demais grupos lobistas globalistas que na prática irão passar a controlar a entrada de estrangeiros no país.

    O espírito da lei foi explicitado na fala de uma senadora petista durante a votação, que afirmou que a visão a ser adotada com a nova lei é a de que uma pessoa de outra nacionalidade que esteja em território nacional não seja mais vista como estrangeiro, mas como cidadão detentor de plenos direitos. Em outras palavras, ser cidadão brasileiro nato ou naturalizado no Brasil passa a ser absolutamente irrelevante.

    A aprovação dessa lei é uma das mais relevantes e robustas vitórias das correntes políticas de esquerda e globalistas que há anos atuam no sentido de atentar contra os interesses do país, contra nossa soberania e nosso território, e contra a cidadania dos brasileiros. A aprovação da nova lei mostrou também o quanto petistas e tucanos estão irmanados na defesa de uma agenda ideológica comum de natureza socialista: as defesas mais enfáticas do projeto de lei foram feitas pelos tucanos, aplaudidos por petistas.

    Cabe agora aos ativistas e grupos organizados da sociedade dar início a uma articulação mais ampla que envolva ativismo digital, mobilizações de rua, esclarecimento da população e outras ações no sentido de pressionar o presidente Michel Temer para vetar esse projeto. Cumpre perguntar a Temer se ele quer entrar para a história como o presidente que sancionou uma lei que decretou a extinção da soberania e da cidadania brasileiras. (Por Paulo Enéas). http://criticanacional.com.br/2017/04/18/senado-aprova-lei-de-imigracao-que-rebaixa-cidadania-e-soberania-brasileiras/

    0
    • EDMILSON JOSE ZABOTTPALOTINA - PR

      Se este País, não temos condições de Gerar emprego para os Brasileiros de Bem , temos cotas para Cursos Superiores , Temos ainda as questões de definições de demarcações de áreas de indígenas , quilombolas e demais . Aliado a isso tudo temos a Maior Gang que aterroriza os Brasileiros que é a Classe Política que rouba , e não trabalha . Agora nós do setor produtivo vamos ter que pagar mais está conta , pois o que iremos receber aqui são imigrantes em sua grande maioria pobres , sem as mínimas condições e com culturas , costumes e língua totalmente diferente das nossas . Nossos Filhos Brasileiros terão que disputar mais um Divisão de vagas em Universidades pois com certeza irão abrir cotas para imigrantes. Não sou contra o apoio e solidariedade para um ser Humano , mas que seja prudente , com uma boa avaliação , com cuidado . Nós quando precisamos entrar ou estudar , trabalhar em outro país somos avaliados , temos que comprar as passagens de ida e de volta com data marcada etc. Estes Políticos votaram a favor por interesse é para mostrar ao mundo solidariedade , mas sabendo que a conta quem vai pagar não são eles .

      0
    • RODRIGO POLO PIRESBALNEÁRIO CAMBORIÚ - SC

      Sr. Edmilson, essa conversa humanitária é prá boi dormir, basta olhar os brasileiros morrendo que nem moscas nos hospitais. Essa lei tira poder da policia federal, que não vai mais poder perguntar a um estrangeiro o que está fazendo no país. Essa lei é para favorecer a infiltração da máfia russa, da máfia chinesa, dos terroristas criminosos islamicos, do narcotraficantes das FARC. Todos vão poder entrar aqui como migrantes, formando seus cartéis e organizações do crime. As máfias ficarão à vontade para mandar agentes ao Brasil, onde poderão circular livremente, receber dinheiro do exterior, e atuar do jeito que quiserem. A abertura de contas no Banco do Brasil faz parte do projeto de suas nobres excrecencias.

      0
    • EDMILSON JOSE ZABOTTPALOTINA - PR

      Além do que falei acima , concordo com vossa colocação no que diz respeito a segurança nacional com a infiltração de novos bandidos e magias no Brasil se aliando a estás que já existem aqui. O Brasil perdeu a Soberania . Salve-se quem puder.

      0
    • EDMILSON JOSE ZABOTTPALOTINA - PR

      Bandidos e Máfia.

      0