Novo porto e extensão de ferrovias mudarão cenário do agronegócio em MT dentro de 10 anos

Publicado em 25/09/2013 08:21
466 exibições

Dentro de dez anos, segundo estimativas do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (IMEA), a exportação de grãos no estado pode chegar a 20 milhões de toneladas, ampliando a produção para 39 milhões de toneladas ao ano, o que significa acréscimo de 73% e 83%, respectivamente. Dentro deste contexto, o porto de Morrinhos, a 80 quilômetros de Cáceres, e a ampliação da ferrovia Senador Vicente Vuolo (Ferronorte), que ligará Porto Velho (RO) e Santarém (PA) e terá um ramal que cruzará Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e São Paulo, com destino final no Porto de Santos (SP), tem papeis cruciais.

O novo terminal portuário é fundamental para a logística do estado e para o escoamento em grandes embarcações da produção de grãos, que será feita pela hidrovia Paraguai-Paraná.

Leia a notícia na íntegra no site do AgroOlhar

Tags:
Fonte: AgroOlhar

0 comentário