Incertezas sobre Safra americana e câmbio elevam em 7% a estimativa do VBP para 2013

Publicado em 27/09/2013 09:34
382 exibições

O impacto do clima desfavorável para o desenvolvimento da atual safra dos Estados Unidos elevou os preços das principais commodities agrícolas no mercado externo. Este fator e a valorização da moeda norte-americana frente ao real contribuíram para o crescimento de 7% do Valor Bruto da Produção (VBP) da agropecuária em 2013.

Levantamento realizado pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) revela que a comercialização dos 25 principais produtos agrícolas e pecuários deve render R$ 418,3 bilhões neste ano. O setor agrícola vai contribuir com R$ 250,7 bilhões do total, uma alta de 6,2% frente ao desempenho registrado em 2012.

O VBP da soja deve somar R$ 78,6 bilhões em 2013. A alta de 13,9% é influenciada pela elevação das cotações da oleaginosa no mercado externo, onde os preços subiram em função dos problemas climáticos verificados nas regiões produtoras norte-americanas. Este cenário elevou o preço da saca internamente, impulsionando o plantio na safra 2013/2014. A expectativa é que a produção de soja no Brasil cresça 7,2% no período.

Os preços do algodão subiram no mercado interno no mês de agosto, reflexo do cenário externo e do câmbio. Para 2013, no entanto, a tendência continua sendo de queda do VBP do algodão. A CNA prevê queda de 31,7% no faturamento no ano, para R$ 4,78 bilhões. O desempenho do segmento será influenciado pelo pela redução da demanda da China, posicionamento que terá impacto sobre a quantidade da fibra a ser exportada pelo Brasil.

Pecuária – O VBP da pecuária vai crescer num ritmo ainda mais forte em 2013, somando R$ 167,56 bilhões, o que representa um aumento de 8,3% no ano. Para este grupo, o destaque é a avicultura, cujo valor bruto deve ser 19,1% maior, somando R$ 50,7 bilhões. De acordo com a CNA, a menor oferta de carne de frango elevou os preços no mercado interno, determinando o resultado positivo.

Tags:
Fonte: CNA

Nenhum comentário