Brasil destina mais de 35 mil toneladas de embalagens vazias de defensivos agrícolas

Publicado em 12/11/2013 15:58 477 exibições
Resultado conquistado pelo Sistema Campo Limpo até outubro é 11% maior se comparado o mesmo período do ano anterior

De janeiro a outubro de 2013, o Sistema Campo Limpo (logística reversa de embalagens vazias de defensivos agrícolas), formado por agricultores, fabricantes - estes representados pelo Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (inpEV) -, canais de distribuição e com apoio do poder público, encaminhou para o destino ambientalmente correto 35.120 toneladas de embalagens vazias de agrotóxicos em todo o país. A quantidade representa um crescimento de 11% em relação ao mesmo período de 2012.

O balanço realizado pelo Instituto aponta que os estados que mais encaminharam embalagens para a destinação final foram: Mato Grosso, Paraná, São Paulo, Goiás e Rio Grande do Sul, que juntos correspondem a 70% do total devolvido pelos agricultores no Brasil. Rondônia, Maranhão e Espírito Santo foram os estados que obtiveram maior crescimento percentual no volume de recipientes de defensivos agrícolas devolvidos no período analisado.

De acordo com o diretor-presidente do inpEV, João Cesar. M. Rando, a expectativa é destinar de forma ambientalmente adequada 40 mil toneladas de embalagens até o final de 2013; em 2012 foram 37.390 toneladas. 

Tags:
Fonte:
inpEV

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário