Apesar da cautela, liberação russa a frigoríficos anima, diz Geller

Publicado em 08/08/2014 11:05 529 exibições

 A liberação da Rússia para as exportações de quase 100 frigoríficos brasileiros vai exigir um esforço conjunto com o setor produtivo para manter o mercado euroasiático aberto permanentemente. É o que afirmou ao G1 o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Neri Geller.

A retaliação da Rússia aos Estados Unidos e União Europeia, que resultou na suspensão das importações de produtos alimentícios, em uma resposta russa aos países que anunciaram sanções econômicas em decorrência da crise na Ucrânia, beneficiou diretamente o Brasil.

"Estamos tendo bastante cautela. O Brasil tem que consolidar este momento, mas não podemos comemorar vitória antes do tempo. Conseguimos mostrar para o mundo inteiro que nossa defesa [sanitária] está funcionando", disse o ministro.

Leia a notícia na íntegra no site do G1.

Tags:
Fonte:
G1

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário